Foto: Reprodução/Google Maps

O projeto de lei Nº 578/2021, de autoria do vereador Jorge Felippe, deseja reconhecer a região delimitada entre o Campo do Bangu e a Rua D. como um Polo Gastronômico e Cultural de Padre Miguel.

Segundo o texto, o Poder Executivo, por intermédio dos órgãos competentes, oferecerá apoio ao desenvolvimento do Polo Gastronômico e Cultural. Isso deve ser feito com medidas como adequação do trânsito, aumento do número de vagas para estacionamento e implantação de sinalização vertical com indicação dos estabelecimentos integrantes do polo.

Além disso, o Executivo também poderia, de acordo com o projeto, promover a organização de eventos, por meio de intervenções urbanas e incluir o local no roteiro turístico oficial do Rio de Janeiro – Guia do Rio.

Na justificativa, o vereador afirma que o bairro de Padre Miguel vem se destacando há alguns anos e já se tornou um ponto gastronômico para os moradores da região, principalmente, ao longo da Rua Figueiredo Camargo.

O local possui diversas opções o que faz com que a procura na Rua Figueiredo Camargo por opções gastronômicas e de lazer seja grande não só pelos moradores de Padre Miguel, assim como, por toda a região da zona oeste. A iniciativa visa estimular o crescimento e o fomento da atividade do comércio regional em nossa cidade, gerando empregos, além da perspectiva de organização local, desenvolvimento das atividades nesse momento de crise econômica, no qual a maioria dos comerciantes vive, em decorrência da crise da Covid-19“, diz o texto.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui