O arquiteto e urbanista Washington Fajardo, que atualmente ocupa a Secretaria de Planejamento Urbano da cidade do Rio de Janeiro fez um apelo através de uma rede social para que o ministro da economia, Paulo Guedes, venda o prédio do Ministério da Fazenda, no Centro da cidade.

O secretário fala em transformar o espaço, atualmente subutilizado, em um local de hospedagem com outros usos.

“Ministro Paulo Guedes, por favor, venda esse prédio. Daria um hotel fantástico no Centro do Rio. #reviver #centro PS. Hotel com uso misto: moradia, coworking, poderia até manter o gabinete do ministro para quando estiver no Rio. Cabe muita coisa nesse prédio”, diz a postagem de Fajardo.

O prédio, que chama a atenção por sua beleza, tem sua origem em um concurso realizado nos anos 1930, por iniciativa do Governo Vargas. O concurso público para a nova sede do Ministério da Fazenda, em 1935, premiou um projeto de autoria dos arquitetos Wladimir Alves de Souza Enéas Silva.

Com a mudança da capital para Brasília, o prédio do Rio de Janeiro já não é mais sede do Ministério, mas ainda abriga os órgãos regionais do Estado do Rio de Janeiro e o gabinete do Ministro da Fazenda no Rio de Janeiro, e nele também estão o Museu da Fazenda Federal e a Biblioteca Central.

Felipe Lucena

Felipe Lucena é jornalista, roteirista, redator, escritor, cronista. Filho de nordestinos, nasceu e foi criado na Zona Oeste do Rio de Janeiro, em Curicica. Sempre foi (e pretende continuar sendo) um assíduo frequentador das mais diversas regiões da cidade do Rio de Janeiro.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui