O governador Wilson Witzel prorrogou as medidas restritivas no RJ até o dia 5/6, esta sexta-feira. A determinação foi publicada no Diário Oficial do estado nesta terça-feira, dia 2/6.

Nos próximos dias, o governo vai acompanhar o mapa de incidência de evolução da doença para começar a definir um cronograma de flexibilização gradual no estado.

Até a segunda-feira (1º), o RJ registrava 5.462 mortes e 54.530 casos confirmados de Covid-19.

De acordo com o decreto, somente serviços essenciais podem continuar funcionando, mas seguindo os protocolos de distanciamento, higiene e sanitização de ambientes. Já o comércio não essencial deve manter o atendimento em domicílio.

Permanecem fechados ou suspensas: cinemas, teatros e afins; academias, centros de lazer e esportivos; shoppings; escolas públicas e privadas, creches e instituições de ensino superior; a realização de eventos esportivos, culturais, shows, feiras científicas, entre outros, em local aberto ou fechado.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui