Acidentes com caminhões impactam mais o trânsito da Avenida Brasil

Segundo estudo realizado pela Prefeitura, o número de acidentes provocados por caminhões na via é seis vezes maior do que as ocorrências cometidas pelos carros

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

Um estudo realizado pelo Centro de Operações Rio (COR) mostrou que a possibilidade do número de acidentes provocados por caminhões na Avenida Brasil é seis vezes maior do que as ocorrências cometidas pelos carros. Apesar de a porcentagem de caminhões (6%) na via ser nove vezes menor do que a de carros (54%), os caminhões são o segundo tipo de veículo que mais provocam acidentes (27%).

Além disso, o impacto provocado pelas ocorrências dos caminhões e carretas também é maior. Um acidente com estes tipos de veículos demora mais tempo para ser solucionado (1h03 em média) do que uma ocorrência envolvendo um carro (44 minutos). Com isso, o tráfego de caminhões também dificulta a fluidez do trânsito na Avenida Brasil. Em média, caminhões e carretas aumentam o tempo de deslocamento na via em 33%.

De acordo com os dados levantados pelo COR, a maioria das ocorrências com caminhões acontece entre 6h e 8h, o que representa 26% dos acidentes deste tipo de veículo na via ao longo do dia. O estudo levantou os dados de janeiro de 2023 até abril de 2024, no trecho entre Deodoro e Centro, onde foi construído o novo corredor expresso da Transbrasil.

O estudo mostra também que os acidentes são regulares em todos os dias úteis. Segundas (124), quintas (134) e sextas (126) são os dias que tiveram mais ocorrências. No fim de semana, o número de ocorrências cai significativamente.

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Acidentes com caminhões impactam mais o trânsito da Avenida Brasil
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui