Aeroporto do Galeão tem longas filas para comprovar vacinação contra Covid; espera chegava a duas horas

Passageiros relataram enorme caos na manhã desta quarta (15/12) no local; ''Muito calor, sem ar-condicionado, um corredor apertado, falta de informação'', disse uma mulher vinda de Miami

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Fila de passageiros para comprovar vacinação contra Covid-19 no Aeroporto do Galeão em 15 de dezembro de 2021 - Foto: Alba Valéria Mendonça/G1 Rio

O Aeroporto Internacional Tom Jobim (RIOgaleão) passou por um momento de caos na manhã desta quarta-feira (15/12). Isso porque passageiros vindos de voos do exterior enfrentaram enormes filas para apresentar o comprovante de vacinação contra a Covid-19, que está sendo exigido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para entrar no país após determinação do Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com os relatos, publicados inicialmente pelo portal ”G1”, os viajantes precisavam esperar cerca de duas horas na fila para apresentar o documento. Ao todo, apenas 2 funcionários do aeroporto faziam a conferência, motivo este o principal causador da espera ser longa.

Vinda de Lisboa, capital de Portugal, para o Rio, a alemã Karoline Gutöhrlein precisou avisar sobre a demora ao primo e a namorada, que esperavam há duas horas no portão de desembarque. Segundo ela, houve bastante tumulto.

”Tiveram de passar o pessoal que ia fazer conexão na frente. Todo mundo saiu correndo para não perder os voos. Tem muita criança, muito idoso. Houve até uma confusão, gritaria. Uma senhora que estava com duas crianças passou mal. Chamaram um médico, mas o socorro demorou e todo mundo começou a gritar. As crianças estavam assustadas”, relatou.

Advertisement

Já Rafael Ferrão, funcionário da embaixada do Canadá, ficou quase 3 horas na fila. Ele veio com a esposa e a filha, de 1 ano e 6 meses, em um voo de Miami que chegou no horário previsto no Rio, isto é, às 06h20, mas só conseguiu sair do aeroporto por volta das 09h10.

”Não tem organização. São apenas 2 funcionários para checar a documentação de todos os passageiros. Eles começaram pedindo uma checagem mais detalhada, mas tem quase mil pessoas lá dentro. Chegaram 3 voos no mesmo horário. É um corredor, sem espaço, sem ar-condicionado”, contou.

rafael ferrao aeroporto do galeao Aeroporto do Galeão tem longas filas para comprovar vacinação contra Covid; espera chegava a duas horas
Rafael Ferrão com a filha – Foto: Alba Valéria Mendonça/G1 Rio

Aline Nascimento, por sua vez, que também chegou de Miami, estava com os 2 filhos pequenos. Numa suposta fila prioritária, a passageira consegui sair do desembarque duas horas e meia depois que seu avião pousou.

”É um absurdo o que está acontecendo lá dentro. Muito calor, sem ar-condicionado, um corredor apertado, falta de informação. Gente passando mal, um sofrimento para as crianças. Durante mais de meia hora a fila pra apresentar o comprovante de vacina ficou parada. Uma funcionária da imigração me disse que o Ministério da Saúde ligou pra Anvisa e mandou desacelerar a checagem da vacina”, disse.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Aeroporto do Galeão tem longas filas para comprovar vacinação contra Covid; espera chegava a duas horas
Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. O grande problema é a falta de funcionarios para realizar a checagem de vacinação. Dai a grande demora!! Fizeram de propósito pra gerar tumulto e não exigir mais a comprovação de vacina.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui