Alaíde Costa celebra os 50 anos do álbum gravado com Oscar Castro Neves, neste sábado, no Sesc Quitandinha

Show “Alaíde Costa – 50 anos depois daquele disco com Oscar”, no Centro Cultural Sesc Quitandinha, terá início às 18h e entrada franca

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Alaíde Costa / Crédito: Ernane Galvão (Rede Social da artista)

A cantora e compositora Alaíde Costa celebra os 50 anos da gravação do álbum “Alaíde Costa& Oscar Castro Neves” com o show “Alaíde Costa – 50 anos depois daquele disco com Oscar”, no Centro Cultural Sesc Quitandinha, neste sábado (24), às 18h. A apresentação da grande dama da música brasileira integra a programação cultural da exposição “Da Kutanda ao Quitandinha – 80 anos”. A entrada é franca.

Para interpretar os clássicos do trabalho gravado em 1973, Alaíde convidou talentoso violonista Gabriel Deodato e o flautista Alexander Souza. “Amigo Amado”, “Outono”, “Só Não Vem Você”, serão alguns dos sucessos interpretados pela cantora, que conta com 25 álbuns gravados.

Continua em cartaz até 25 de fevereiro, no Sesc Quitandinha, a exposição “Da Kutanda ao Quitandinha – 80 anos”, inaugurada em dezembro de 2023. A mostra tem curadoria-geral de Marcelo Campos e conta a trajetória do hotel-cassino Quitandinha, construído em 1944, até a atualidade. A exposição, que é dividida em seis núcleos, também, percorre a história da presença negra na região, desde o século 18 até a contemporaneidade, abordando aspectos históricos e culturais dessa população.

Tomás Santa Rosa e Wilson Tibério, artistas negros de grande expressão, que atuaram no hotel-cassino também serão homenageados. Na exposição, o glamuroso ambiente do Quitandinha será recriado através do mobiliário e da decoração da época.

Advertisement

Às 15h, Wilson Tibério será o tema do seminário “Wilson Tibério – Contribuições para uma memória negra”, que será realizado na Biblioteca da casa. O evento, que é gratuito, conta com a curadoria do historiador Bruno Pinheiro e participação dos especialistas Mário Augusto Medeiros, Júlio Menezes, Gabrielle Nascimento e Filipe Graciano. A reconstituição histórica das trajetórias de artistas negros e o papel das instituições de memória nesse contexto serão os temas abordados pelos estudiosos.

O Centro Cultural Sesc Quitandinha fica na Avenida Joaquim Rolla, nº 2, Quitandinha, Petrópolis.

Informações: Tribuna de Petrópolis

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Alaíde Costa celebra os 50 anos do álbum gravado com Oscar Castro Neves, neste sábado, no Sesc Quitandinha
Advertisement
lapa dos mercadores 2024 Alaíde Costa celebra os 50 anos do álbum gravado com Oscar Castro Neves, neste sábado, no Sesc Quitandinha
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui