Alerj concede, nesta segunda-feira, o Prêmio Nise da Silveira aos profissionais de saúde mental que mais se destacaram

A criação do prêmio foi uma maneira de homenagear Nise da Silveira, profissional que dignificou os tratamentos de saúde mental no Brasil

Nise da Silveira ficou conhecida pelo trabalho inovador e pela sua luta Antimanicomial / Centro Cultural da Saúde/Ministério da Saúde

O Prêmio Nise da Silveira, destinado a profissionais que se destacaram na área da saúde mental, será entregue nesta segunda-feira (12), às 10h, no Plenário da Assembleia Legislativo do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). A homenagem é resultado do Projeto de Resolução 616/2022, de autoria dos deputados André Ceciliano (PT), Flávio Serafini (Psol), Carlos Minc (PSB) e Waldeck Carneiro (PSB).

O deputado Waldeck Carneiro destacou que a criação do prêmio foi uma maneira de homenagear Nise da Silveira, profissional que dignificou os tratamentos de saúde mental no Brasil.  

“É uma premiação anual instituída pelo Parlamento Fluminense para agraciar pessoas e instituições que se destacam na área de saúde mental em quatro categorias. É uma forma de homenagear estes profissionais e esta importante área da saúde. Sobretudo, valorizar a memória de Nise da Silveira e apoiar a luta antimanicomial e a reforma psiquiátrica, que precisam ser fortalecidas no próximo período, após serem bastante atacadas nos últimos quatro anos”, ressaltou Waldeck.

Veja abaixo, os indicados ao prêmio nas suas respectivas categorias de atuação, de acordo com o Comitê de Avaliação do Prêmio Nise da Silveira:

I – Atuação em movimentos sociais na área de saúde mental: Núcleo Estadual do Movimento Nacional da Luta Antimanicomial (NEMLA); Fórum Permanente dos Centros de Convivência do Rio de Janeiro;

II – Atuação em gestão na área de saúde mental:- Alexander Garcia de Araújo Ramalho/Diretor do Instituto Municipal de Assistência à Saúde Juliano Moreira; Erika Pontes e Silva/Diretora do Instituto Nise da Silveira;

III – Atuação profissional na área de saúde mental: Luciana da Cruz Cerqueira/Psicóloga do Instituto Municipal de Assistência à Saúde Juliano Moreira; Vanessa de Araújo Xisto/Psicóloga da Clínica da Família Sônia Maria Ferreira Machado;

IV – Atuação em ciência, pesquisa e produção de inovação tecnológica na área de saúde mental: Letícia de Oliveira/Professora titular da Universidade Federal Fluminense, Departamento de Fisiologia e Farmacologia, Laboratório de Neurofisiologia do Comportamento; Malcolm dos Santos/Enfermeiro do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS III) Maria do Socorro dos Santos. Na ocasião, o Bloco Carnavalesco Loucura Suburbana também receberá a Medalha Tiradentes.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui