Alerj pode criar comissão para impulsionar indústria naval e economia do mar

A deputada estadual Célia Jordão propôs a criação da Comissão Permanente pelo Desenvolvimento da Indústria Naval e Atividades Relacionadas à Economia do Mar

Imagem apenas ilustrativa da Baía de Guanabara | Foto: Rafa Pereira - Diário do Rio

A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) poderá tornar permanente a comissão especial para o fortalecimento e ampliação da Indústria Naval e de OffShore e do setor de Petróleo e Gás no Rio de Janeiro. A deputada estadual Célia Jordão (PL), que vem trabalhando em defesa desse segmento econômico, apresentou o Projeto de Resolução 1484/2022, publicado nesta quinta-feira (03/11) no Diário Oficial.

A proposta da parlamentar é criar a Comissão Permanente pelo Desenvolvimento da Indústria Naval e Atividades Relacionadas à Economia do Mar, justificando a relevância dessa atividade econômica para o estado.

A Indústria Naval, por estar inserida na Economia do Mar, deve ser tratada como política pública de estado, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico. A consolidação de uma comissão permanente contribui para fortalecer as discussões de propostas relacionadas ao setor”, justifica a deputada estadual.

Ela destaca ainda que a economia do mar tem um papel fundamental para o desenvolvimento do Estado do Rio, pois está diretamente relacionada à produção de petróleo e gás offshore, bens e serviços ligados aos recursos marinhos e atividades marítimas e portuárias, essenciais para gerar demandas de construção, montagem e transporte de equipamentos da indústria naval.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui