Alienígenas no Rio de Janeiro: Quatro décadas do mistério intergalático de Casimiro de Abreu

Nos anos 80, os olhos do mundo se viraram para o interior do Rio de Janeiro. O motivo? A suposta aparição de seres de outro planeta em solo fluminense

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem meramente ilustrativa/Reprodução internet


Um delírio coletivo tomou conta de milhares de moradores de Casimiro de Abreu, município no interior do Rio de Janeiro, há 42 anos atrás. Às 5h20 da manhã do fatídico dia 8 de março de 1980, boa parte da população da cidade olhava atentamente para o céu na esperança da chegada de um disco voador e o desembarque de extraterrestres no planeta terra. Naturalmente, isso não aconteceu e muita gente saiu frustrada desse episódio que ficou mundialmente famoso. Mas afinal, como isso pode acontecer,? Como as pessoas foram convencidas de que uma nave interplanetária aterrissaria em território fluminense?  

Na época, se costumava levar a sério o que figuras conhecidas como “videntes” previram, isso acontecia com muita frequência na década de 80/90, algo que também era explorado pelos veículos de comunicação. Tudo isso acontecia com certa frequência, e sem qualquer questionamento, por mais absurda que fosse a ideia.

SERGIO CASTRO - A EMPRESA QUE RESOLVE, desde 1949
Com mais de meio século de tradição no mercado imobiliário do Rio de Janeiro, a Sergio Castro Imóveis – a empresa que resolve contribui para a valorização da cultura carioca

Em Casimiro de Abreu não foi diferente, as pessoas foram atraídas pelas visões de um suposto vidente, que falava sobre a chegada de um “disco voador de Júpiter”. Os anos se passaram e as previsões do homem, que ficou conhecido como o “Mensageiro de Júpiter”, acabaram não se confirmando.

O “assessor de imprensa” dos ET’s era um homem conhecido como Edílcio Barbosa, que começou a espalhar a notícia de que alienígenas iriam pousar em Casimiro de Abreu. A fake news foi ganhando corpo até chegar em um momento em que toda a cidade estava mobilizada para receber os visitantes espaciais.

Advertisement

Leia também

Balão é ‘abatido’ antes de cair no Aeroporto do Galeão

Terminal Gentileza começa a operar para população; veja detalhes

Rio de Janeiro, OVNIs e seres extraterrestres

As pessoas fizeram cartazes de boas-vindas, café da manhã e se aglomeraram para recepcionar os seres de outro planeta. Até um baile foi promovido pela prefeitura local para aquele que seria o maior evento da humanidade. É…não rolou. 

Um dos fatos mais curiosos dessa epopéia ufológica foi que os organizadores do festival que receberia os Ets confeccionaram uma placa, que fica localizada em meio ao campo de grama, indicando o local de pouso em português, caso houvesse algum imigrante brasileiro entre os tripulantes da nave.

Para se ter uma ideia, a pequena cidade de Casimiro de Abreu, que na ocasião tinha 22 mil habitantes, foi tomada por mais de 30 mil pessoas. Entre elas, jornalistas de países como Canadá, Argentina e Uruguai. Um veículo de comunicação chegou a publicar os “10 mandamentos dos extraterrestres” para que nada saísse do cronograma durante o evento.

Até hoje, o caso dos extraterrestres em Casimiro de Abreu é lembrado com muito bom humor por quem vive no município, algumas pessoas, inclusive, juram que já viram alienígenas pelas matas da cidade. Mas embora as histórias corram soltas pela região, nehuma apariação confirmda de seres de outros planetas foi confirmda.

Um documentário apresentando pelo Canal Futura, mostrou os desdobramentos e o impacto desse fenômeno na cultura e na vida das pessoas de Casimiro de Abreu:

Confira:

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Alienígenas no Rio de Janeiro: Quatro décadas do mistério intergalático de Casimiro de Abreu

Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. A gente gosta de ser enganada. Cinemas sempre lotados, novelas de TV e vídeos de filmes inéditos, ficção científica com efeitos sensacionais, sabes por quê? Porque a gente gosta de ser enganada. Nada é real, pura representação, mas todo mundo acredita. Foi o caso de Casimiro de Abreu. Por outro lado, a casuística ufológica é verdadeira, há milhares de milhares de episódios plenamente comprovados de contato com seres de outros planetas e, paradoxalmente, se tocar no assunto a maioria das pessoas pensam que ficou lelé da kuca.

  2. Um amigo me dizia, Ossola, a gente gosta de ser enganada. Cinemas lotados, TVs com novelas e vídeos de filmes inéditos, ficção científica com efeitos sensacionais atraindo multidões às salas de espetáculo, sabes por quê? Porque a gente gosta de ser enganada. Nada é real, pura representação mas todo mundo acredita. Foi que aconteceu em Casimiro de Abreu. Por outro lado, a casuística ufológica é verdadeira, há milhares de milhares de casos plenamente comprovados de contatos com seres de outros planetas e paradoxalmente, se você tocar no assunto a maioria das pessoas pensam que ficou lelé da kuca.

  3. Eu nunca houvi falar dessa história de ET em Casimiro de Abreu, que a cidade seria visitada por visitantes de Júpiter. Essa história atraiu a curiosidade até de pessoas fora do País, foi incrível ver tantas pessoas chegando a cidade. Pelo documentário eram mais de 30 mil pessoas na cidade para ver a chegada dos ETs. Casimiro merece um museu futurista que fale desse acontecimento; será que tem algum arquiteto no País que fizesse um projeto de museu para Casimiro de Abreu? Fica ai a dica para projetistas do Brasil e do Mundo.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui