Alunos de escola municipal do Rio vão dizer a líderes mundiais o que querem para o futuro do planeta

Mais de 30 crianças com idades entre 9 e 10 anos plantaram árvores nesta quarta-feira e apresentarão propostas durante Climate Solutions Forum

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgaçao

Um grupo de 32 crianças do Rio de Janeiro vai dizer aos líderes mundiais o que elas querem para o futuro do planeta. Ao longo dos próximos dias, alunos da Escola Municipal Dom Aquino Correa, com idades entre 9 e 10 anos, participam de uma série de atividades promovidas pela Plant-for-the-Planet, organização alemã presente em 76 países que envolve jovens na restauração de ecossistemas florestais e na luta por justiça climática. Após todo o processo, o objetivo é que as crianças compartilhem um documento com aprendizados e sugestões de ações ambientais durante o Climate Solutions Forum, evento anual da Foundations 20 (F20) sobre filantropia na questão climática, que será realizado no Rio de Janeiro, nos dias 4 e 5 de junho, no contexto da presidência brasileira do G20.

Esta história teve um dos seus capítulos elaborado nesta quarta-feira (29/05). Logo cedo, os alunos se reuniram no Parque Estadual da Chacrinha, em Copacabana, com professores e pesquisadores da Plant-for-the-Planet para refletirem sobre o papel de cada um na luta contra a crise climática. O processo, chamado de Academia, tem como objetivo formar jovens Embaixadores da Justiça Climática. O trabalho incluiu como etapas ouvir a experiência de outras crianças que já atuam na iniciativa, participar de jogos que estimulam a reflexão e treinar a retórica. Ao final, todos foram convidados a plantar mudas de árvores nativas como Pau-ferro, Ingá Branco e Aroeira.

A próxima etapa do trabalho ocorre no dia 3 quando um documento com propostas que vem sendo formulado há cerca de um mês por jovens de todo o mundo receberá a contribuição dos alunos da escola do Rio. No dia 5, durante o Climate Solutions Forum, será a vez das próprias crianças subirem ao palco acompanhadas pelo fundador da organização alemã, Felix Finkbeiner, que criou a Plant-for-the-Planet quando tinha apenas 9 anos de idade. Diante de representantes de instituições filantrópicas de mais de 100 países, gestores públicos e acadêmicos, elas irão expor suas conclusões envolvendo o meio ambiente e quais são as sugestões para o futuro do planeta.

Toda a iniciativa da Plant-for-the-Planet na cidade conta com o apoio da Prefeitura do Rio de Janeiro, através do Comitê Rio G20 e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Clima (SMAC).

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Alunos de escola municipal do Rio vão dizer a líderes mundiais o que querem para o futuro do planeta
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui