Apesar da promessa de monitoramento 24h, Praça Paris continua sendo alvo de vandalismo

Segundo moradores da Glória, as invasões e depredações persistem, levantando questionamentos sobre a eficácia das medidas de segurança

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem: Reprodução

Mais um ato de vandalismo na Praça Paris tem chamado atenção de moradores da Glória. A praça fica localizada no coração do bairro, entre as pistas do Aterro do Flamengo. Uma enorme fogueira foi avistada no interior do espaço público, provavelmente acesa por moradores de rua, causando danos ao jardim da praça, na noite desta última quinta-feira (23/05). As imagens foram compartilhadas pela página “Informe Gloriano”, que reúne as reivindicações dos moradores do bairro, e mostram uma viatura da Guarda Municipal tentando conter a situação.

A ocorrência marca um problema recorrente na Praça Paris: as invasões por moradores de rua e dependentes químicos, apesar de ser um espaço monitorado 24 horas e fechado durante as noites. O local, que é considerado uma das praças e jardins mais bonitos do Rio, é uma obra-prima da Belle Époque carioca, com seu projeto urbanístico inspirado na capital francesa, apresentando grandes gramados, lago, chafariz e monumentos de importantes artistas.

Vídeo: Reprodução/Informe Gloriano

Atualmente, a praça está passando por uma revitalização através do programa RevitalizaRio. A proposta inclui a restauração de estátuas e monumentos, como o Monumento ao Almirante Barroso, e a renovação do pórtico de entrada, bancos, caminhos de saibro e jardins. Além disso, está previsto um programa de ocupação com atividades como aulas de ioga, roda de choro e contação de histórias. A intervenção começou ano passado e tinha a previsão de durar 2 anos.

Advertisement

No entanto, a realidade enfrentada pelos moradores e frequentadores da Praça Paris é bem diferente da proposta de revitalização. Segundo relatos, o medo se tornou constante ao frequentar o local, especialmente devido à frequente invasão da praça durante as madrugadas, facilitada pelo furto do gradil que a cerca. Apesar das promessas de vigilância 24 horas, as invasões e depredações persistem, levantando questionamentos sobre a eficácia das medidas de segurança.

E as preocupações com a segurança na Glória não param por aí. Nesta quinta-feira, o DIÁRIO DO RIO noticiou um furto ousado de fios durante uma madrugada na Mureta da Glória, outro ponto emblemático da região. A área, frequentemente, é alvo de ações de dependentes químicos, que migram principalmente da Lapa para cometer pequenos delitos e furtos, evidenciando a urgência de medidas efetivas para garantir a segurança e preservação do patrimônio público na região.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Apesar da promessa de monitoramento 24h, Praça Paris continua sendo alvo de vandalismo
Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. Não existe a presença de Guardas Municipais

    Não existe Segurança Presente fixa na Glória

    Cobramos sempre a Volta da Cabine da Guarda Municipal com o retorno do Efetivo.

    E NÃO existe Monitoramento 24 H da Região, isso é uma inverdade, para não usar outro Termo.

    Wilson Guedes
    Presidente da AMAG

  2. Nessa região tem:

    – Alto n° de Guarda Municipal
    – Patrulhamento da PM
    – Segurança Presente

    E AINDA SIM É UMA ZONA

    O trabalho da Segurança Pública no RJ é ridículo.

    É igual ao governador: inexistente

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui