Após chuvas fortes, RJ registra pelo menos 3 mortes

Em Japeri, desabamentos mataram bebê e mulher. Houve ainda a morte de outra mulher em Barra do Piraí

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Reprodução

Durante a forte chuva que aconteceu nesta quarta-feira (21/02), pelo menos 3 pessoas morreram no Rio de Janeiro. Foram duas mortes em Japeri, na Baixada Fluminense, e uma em Barra do Piraí, no Sul Fluminense. Segundo as informações divulgadas pelo portal de notícias ‘g1’, as vítimas de Japeri estavam em casa quando barreiras caíram.

Em Engenheiro Pedreira, um imóvel na Vila Carmelita foi atingido depois que parte de um morro veio abaixo. Um menino, Calebe Jefferson Veloso Costa, de 2 anos, foi encontrado sem vida. A irmã gêmea dele foi salva.

Moradores contaram que durante a noite a parte mais baixa da Rua Mocambo alagou. Para sair da enchente, Cristiane e o marido trouxeram os 5 filhos para a casa do cunhado dela, na parte alta. Quando o casal saiu do imóvel para socorrer a mãe de Cristiane, um deslizamento de terra atingiu a casa. O imóvel desabou e os dois filhos pequenos, Jade e Calebe, ficaram soterrados.

Na Chacrinha, a vítima foi uma mulher. Até a última atualização desta reportagem, não haviam sido divulgados detalhes sobre a identificação dela e a circunstância da morte.

Advertisement

A Prefeitura de Japeri havia contabilizado 5 quedas de barreira, 4 deslizamentos e 7 desabamentos, com 40 desalojados, até a última atualização desta reportagem.

Houve ainda a morte de outra mulher em Barra do Piraí, no sul do RJ. Lá, a BR-393 (Rodovia Lúcio Meira) foi interditada após um trecho desabar. A via liga Barra Mansa a Além-Paraíba, passando por Volta Redonda.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Após chuvas fortes, RJ registra pelo menos 3 mortes
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui