Após mal-entendido, Prefeitura de Búzios afirma que vai recolocar a estátua de Juscelino Kubitschek na Orla Bardot

O monumento de JK foi retirado da Orla na madrugada de sábado, 26/11, após uma falha de comunicação entre Prefeitura e esposa do doador da homenagem ao ex-presidente do país. A peça foi retirada do local para ser restaurada, porém sem autorização municipal, o que ocasionou em um boletim de ocorrência por furto

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
A belíssima e charmosa cidade de Búzios, na Região dos Lagos / Foto: Andreia Benvenuti/Google Maps

Na madrugada de sábado, (26/11), um mal entendido ocorreu em Búzios, na Região dos Lagos. A estátua de bronze do ex-presidente Juscelino Kubitschek foi retirada da orla da praia, para uma restauração, porém houve uma falha da comunicação entre a restauradora e a Prefeitura de Búzios, o que ocasionou em uma ocorrência de furto.

Segundo a Polícia Militar, a estátua seria restaurada por Ísis Penido, esposa de Paulo Penido, que doou a estátua à cidade da Região dos Lagos. A advogada teria solicitado a retirada do objeto. No entanto, a Prefeitura de Búzios registrou o caso na delegacia como furto, ao alegar que o objeto teria sido retirado durante a madrugada sem autorização municipal. 

Após a conclusão do mal entendido, a Prefeitura de Búzios espera recolocar a estátua de 100 quilos de JK até o fim do ano na Orla Bardot. Nesta segunda-feira, (28/11), o objeto vai ser levado para o Espaço Cultural Zanine, onde permanecerá até o término da restauração da peça. O artista plástico que esculpiu a estátua deve analisar nesta semana a condição da homenagem ao ex-presidente

 A escultura de Juscelino Kubitschek foi instalada em Búzios em 2006 como forma de homenagear o ex-presidente do Brasil que, segundo relatos históricos, frequentava a casa “Solar do Peixe Vivo”, na orla da Praia da Armação, mesmo local onde fica o monumento feito para a atriz Brigitte Bardot. Em 2016, a placa de bronze que identifica a estátua foi furtada e desde então não foi recolocada.

Advertisement

Leia também

Progressistas dividido entre Bolsonarismo, Eduardo Paes e Marcelo Queiroz – Bastidores do Rio

Custas judiciais aumentaram 45% no estado do Rio de Janeiro nos últimos dois anos

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Após mal-entendido, Prefeitura de Búzios afirma que vai recolocar a estátua de Juscelino Kubitschek na Orla Bardot

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui