Após três meses, cesta básica volta a subir no Rio de Janeiro

Relatório constatou um aumento de 2,22% no preço dos alimentos. O preço final ficou em R$ 814,38, um crescimento de 9,90%

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem de mrsiraphol no Freepik

O mês de junho teve a primeira alta no valor da cesta básica no Rio de Janeiro dos últimos três meses, segundo a Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), em relatório que constatou um aumento de 2,22% no preço dos alimentos. O preço final ficou em R$ 814,38, um crescimento de 9,90%.

Segundo a consultoria econômica da ASSERJ, Future Tank, a inflação no Rio de Janeiro foi puxada pelo aumento de preços no leite integral, batata, café em pó, arroz e óleo de soja. Em contrapartida, alimentos como a carne bovina e o feijão, tiveram uma queda no preço.

O relatório apontou que 10 das 17 capitais brasileiras analisadas pelo Dieese apresentaram aumento, com destaque para o Rio de Janeiro, que teve a maior alta. Por outro lado, a cesta básica registrou uma deflação de -0,76% na média nacional. A capital fluminense tem a terceira cesta básica mais cara do país (R$ 814,38), ficando atrás apenas de São Paulo (R$ 832,69) e Santa Catarina (R$ 816,06).

Advertisement

No acumulado do ano até junho, o valor da cesta básica cresceu 10,26% no Rio de Janeiro. Foi o 2º maior crescimento entre as 17 capitais avaliadas pelo Dieese, e superior à média nacional (+7,87%).

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Após três meses, cesta básica volta a subir no Rio de Janeiro
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui