Apreensão de fuzis pela polícia cresceu quase 30% em 2023

Os dados são do Instituto de Segurança Pública (ISP) do estado do Rio de Janeiro

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem meramente ilustrativa de fuzil apreendido em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense - Foto: Divulgação

Os órgãos de segurança do estado do Rio de Janeiro apreenderam 610 fuzis em 2023. De acordo com o último relatório do Instituto de Segurança Pública (ISP), houve um aumento de 27,6% de apreensões deste armamento em relação ao ano de 2022 (478).

O ISP divulgou relatório referente aos principais indicadores de criminalidade e atividade policial no estado do Rio de Janeiro no ano passado. O instituto apresenta uma série histórica destes indicadores ao longo dos últimos 20 anos (2003-2023). A coleta dos dados ocorreu a partir dos registros de ocorrência da Secretaria de Estado da Polícia Civil do Rio de Janeiro (SEPOL), em conjunto com estatísticas oriundas da Secretaria de Estado da Polícia Militar (SEPM).

A série histórica mostra que o número de apreensões de fuzis no ano passado foi o maior registrado desde 2003. O levantamento aponta uma tendência de aumento dessa ação policial, com crescimento significativo desses números desde 2020. A variação mais expressiva foi no período de 2021 a 2022, com crescimento de 34,6% no número de fuzis confiscados.

Advertisement

O aumento na apreensão de fuzis não traduz no confisco total de armas de fogo. Quando se contabilizam revólveres, metralhadoras, pistolas, entre outras, os dados ilustram uma queda de 7,6% no período de 2022 a 2023. Ao todo, foram 6.281 armas de fogo apreendidas no ano passado, contra 6.795 no ano anterior.

“Os dados demandam um cuidado adicional para quem observa as tendências. Apesar do registro elevado de apreensões de fuzis, as demais apreensões não acompanharam a tendência. A segurança pública é um tema de elevada complexidade e os indicadores não devem ser analisados em sua individualidade.” afirma Philippe Guedon, Diretor de Pesquisa do Instituto Rio21.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Apreensão de fuzis pela polícia cresceu quase 30% em 2023
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui