Barra da Tijuca registra maior número de obras de construção civil em pouco mais de 1 ano, aponta CNO

Dados do Cadastro Nacional de Obras mostram que entre janeiro de 2020 e 2021 foram registradas 1.236 obras de construção civil no Rio

A Barra da Tijuca concentra as unidades recém ocupadas / Foto: Reprodução Internet

O Instituto Rio21 analisou os dados do Cadastro Nacional de Obras (CNO) entre 2020 e 2021 na cidade do Rio de Janeiro. Trata-se de um banco de dados administrado pela Receita Federal que registra obras de construção civil. Todas as obras desse tipo, com algumas exceções, devem ser registradas, constando as datas das atividades de construção, a área utilizada e os responsáveis pela obra. Os dados foram acessados através da Base dos Dados, uma organização não-governamental e sem fins lucrativos que busca universalizar o acesso a dados públicos.

Entre janeiro de 2020 e 2021 foram registradas 1.236 obras de construção civil. O mês em que mais houve registros foi janeiro de 2020 (104), seguido de novembro do mesmo ano (98). Os dados disponíveis vão somente até maio de 2021, quando houve uma queda significativa na quantidade de obras registradas:

Número de obras registradas por mês entre janeiro de 2020 e maio de 2021. Fonte: Receita Federal. Elaboração: Instituto Rio21.

Os bairros em que mais houve obras foram a Barra da Tijuca e o Centro. Mas, apesar de uma concentração razoável nesses bairros, outros bairros compartilham de um percentual parecido de número de obras:

Porcentagem de obras por bairro. Fonte: Receita Federal. Elaboração: Instituto Rio21

A maior parte das obras são realizadas em ruas e avenidas, concentrando mais de 80% dos registros. Além dos tipos de logradouro no gráfico abaixo, também há obras realizadas em ladeiras, becos, aeroportos e outros menos frequentes:

Porcentagem de obras por tipo de lougradouro. Fonte: Receita Federal. Elaboração: Instituto Rio21

De forma geral, a análise dos dados mostrou que o pico de registros de obras ocorreu em janeiro de 2020 no recorte temporal analisado. As obras estão razoavelmente bem distribuídas entre os bairros, apesar da concentração de quase 20% entre a Barra da Tijuca e o Centro.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui