Batata frita de Marechal Hermes vira Patrimônio Cultural Material do Estado do Rio

A batata é comercializada próxima a estação de trem de Marechal há mais de 30 anos

Foto: Reprodução

A ‘Batata de Marechal Hermes’, a mais famosa do RJ, agora é patrimônio cultural material do Estado do Rio de Janeiro. Nesta segunda-feira, (23/05), foi publicado no Diário Oficial o reconhecimento do espaço.

A batata-frita é comercializada há mais de 30 anos pelo vendedor Ademar de Barros Moreira e ficou famosa pelo preço em conta e por sua porção gigantesca, com todos os tipos de ingredientes. A batata ficou tão conhecida que se tornou parada obrigatória para quem visita Marechal Hermes.

A barraca do comerciante Ademar fica perto da estação de trem de Marechal Hermes, na Zona Norte do Rio.

Foto: Arquivo/Cristina Boeckel
Advertisement

5 COMENTÁRIOS

  1. Nada contra a Batata de Marechal , que eu inclusive já comi e apesar de gordurosa é bem temperadara e eu recomendo a experiencia ! O Erro aí é a total inoperância de um departamento de patrimônio do orgao estadual de patrimônio que eu trabalhei tanto por 18 meses para fazer andar … Lamento ter feito a indicaçao de nomeaçao de um diretor de departamento sem comprometimento e sem interesse em produzir, apenas por ser o unico servidor no departamento e tambem consegui a nomeçao dos membros da comissao de patrimonio imaterial, andamos e concluímos os termos da regulamentaçao do registro de patrimonio imaterial e depois que eu saí do orgao em Janeiro de 2021, tudo andou para tras e voltou a ser como era antes de eu ter chegado lá e nem a regulamentaçao das normas de Registro de patrimonio Imaterial foi efetivada.
    OU SEJA , Nao querem deixar a coisa andar !!!!
    E para piorar, vemos o Estado fazendo o reconhecimento de coisas erradas …
    Batata Frita como Patrimonio Material nao existe !!! O que poderia ter sido feito é o Registro ou o Reconhecimento do modo de se fazer ou de se produzir a Batata de Marechal e isso seria PATRIMONIO IMATERIAL !!!
    Mas tombar como Patrimonio MATERIAL significa que estao tombando a batata frita física e nao os saberes que envolvem a produçao da batata frita.
    Tombar a batata frita como Patrimonio MATERIAL é tombar (proteger) aquele pacote de batata frita e entao significa que nao vai mais poder come-la e ela vai ser frita e eles vao ter que encontrar os meios de PRESERVAR esses pacotes de batata frita .
    Recomendo entao que façam um dos seguintes procedimentos :
    1) Podem criar uma imensa Reserva Tecnica REFRIGERADA e na medida que ela for sendo frita podem colocar os pacotinhos acondicionados nas estantes da reserva tecnica,
    2) Tambem podem desidratar os pacotes de batata frita e fazer como MÚMIAS e tambem acondicionando em uma grande Reserva Tecnica, mas esse nao deve ser refrigerada, mas deve ter desumidificadores ligados dia e noite
    3) Tambem podem retificar esse tombamento como Patrimonio Material e fazer um Registro como Patrimonio IMATERIAL (sic) do modo de produzir a Batata Frita de Marechal e isso será positivo pois os Saberes , a Metodologia de como produzir a Batata Frita será estudado, calculando o tipo da batata, o tipo de óleo da fritura, a quantidade de frango inserido, a de bacon e de tudo mais registrado para que essa Metodologia seja preservada indefinidamente .
    Brincadeiras a parte ! Isso é !!!
    Um DESASTRE ,
    Um EQUÌVOCO ,
    Um ERRO ATROZ de quem nao entende o que esta fazendo …
    E enquanto isso :
    As Fazendas do Capão do Bispo, Colubande, Os Palacios de Niteroi, o predio da Leopoldina , os quase trinta museus do estado do RJ estao fechados ou abandonados !

  2. nao conheço este local onde vendem batata fritas em porção grandiosa mais pretendo em breve visitare saborear pois sou fã de comer batata frita com bife e outras iguairas.parabens a esse sr. pelo trabalho deus ajuda a quem trabalha afinco e com qualidade…

  3. Acho isso legal porem muitos precisam trabalhar e esse safado do Eduardo Paes vem com a guarda destruir os trailers de trabalhadores isso é um.absurdo se muitos perderam o emprego por causa da pandemia . Como um.trabalhador pode incomodar eu queria ver ele ir na rocinha ou no morro do alemão fazer isso .só porque somos trabalhadores isso é uma inversão de valores os trailers não é dado compramos com muito sacrifício

    • Infelizmente os caras só pensam neles eu por exemplo fui excluído da Uber como motorista pq cometi um delito de tampa a placa do meu carro para não levar multa da guarda municipal por estacionar no meu portão, e a polícia me levou para delegacia pq a placa estava tampada com o carro parado e fui condenado a pagar cesta básica e a Uber me excluiu pq tenho ficha criminal, mais eu continuo pedindo Uber e não fui excluído como passageiro e me diz essa política da Uber ????
      Posso andar como passageiro tendo ficha criminal?
      Motorista não pode ter passagem pela justiça mais passageiro pode ??? Fui assaltado 4 vezes por passageiro com arma na cabeça dirigindo para a Uber e agora entendi pq o motivo e a Uber nem me deu nenhum suporte…. Brasil só pensa nos empresários e nos trabalhadores só se ferramos…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui