Bebidas, cadeiras e até dinheiro são encontrados enterrados na Praia do Flamengo

Os objetos fazem parte de oito depósitos clandestinos identificados pela Subprefeitura da Zona Sul nas areias da praia

(Foto: Divulgação/Secretaria Municipal de Ordem ública do Rio)

A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) e a Subprefeitura da Zona Sul encontraram oito depósitos clandestinos de materiais diversos enterrados na areia do posto 2 da praia do Flamengo, em ação realizada na noite desta quarta-feira (25/5). Foram encontradas cadeiras de praia, dinheiro, uma máquina de cartão, redes de vôlei, bolas, além de garrafas de vidro, bebidas diversas e biscoitos. Todas as estruturas que armazenavam esses equipamentos foram retiradas pelos agentes da Prefeitura.

A Seop realiza uma série de ações diurnas nas praias, principalmente aos finais de semana e feriados, para combater a venda de bebidas em garrafas de vidro, a atuação de flanelinhas ilegais, organizar as faixas de areia e coibir o uso de caixas de som. As ações feitas durante a noite também são importantes, pois é muito prejudicial para a população que as areias sirvam de depósito ilegal de mercadorias. Essa irregularidade continuará sendo combatida. Pedimos a conscientização daqueles que trabalham nas praias para que cumpram as regras. A fiscalização é fundamental para manter a orla segura e ordenada para cariocas e turistas” – destacou o secretário de Ordem Pública Brenno Carnevale.

No último domingo, dia 22, uma outra fiscalização da SEOP também encontrou uma geladeira enterrada na praia da Barra da Tijuca, servindo como depósito irregular de gelo, bebidas e mercadorias. Em março, a Secretaria também flagrou, na praia do Flamengo, um freezer e uma caçamba da Comlurb enterrados com materiais esportivos. Uma outra geladeira foi encontrada escondida na areia da Praia da Barra da Tijuca, altura do Posto 5, no dia 22 de janeiro. E no dia de réveillon, em 31 de dezembro de 2021, um freezer com mais de 300 bebidas foi encontrado enterrado na areia da Praia de Copacabana.

Seguiremos trabalhando de forma conjunta para coibir as irregularidades na zona sul do Rio e vamos continuar com as operações nas ruas para garantir o ordenamento”, reforça Flávio Valle, subprefeito da Zona Sul.

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. Há uma verdadeira bagunça nesses espaços ao longo do parque do flamengo, ambulantes em trechos junto ao meio fio, ou mesmo carrinho ao longo da pista, fora ainda o banheiro a céu aberto, junto às árvores e bancos, um cheiro terrível, desagradável para quem faz o trajeto do parque do flamengo e além da bagunça mesmo na praia.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui