Black Mirror? Homem é atendido por robô em mercado da Barra da Tijuca e vídeo viraliza nas redes sociais

Máquina abordou o cliente e o ajudou a localizar o produto que ele queria comprar dentro do estabelecimento

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
(Foto: Reprodução Redes Sociais)

O futuro cheio de tecnologia visto em séries de sucesso como Black Mirror parece que chegou ao Rio de Janeiro. Um vídeo que circula nas redes sociais e viralizou nos últimos dias mostra um cliente sendo atendido por um simpático robô que o conduziu até o produto que ele gostaria de comprar em uma unidade do Supermercado Supermarket, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade.

A filmagem foi postada há quatro dias e foi vista por mais de 3,2 milhões de pessoas, com 365 mil curtidas. Na publicação, o homem pergunta ao “funcionário cibernético” em que sessão fica o queijo ralado. O robozinho então o acompanha até o local. Ao ver que o freguês não precisa mais de ajuda, ele deseja boas compras e segue para outra parte do mercado (veja o vídeo abaixo).

A máquina responsável por ajudar o consumidor foi batizada de Robios Go, é o primeiro robô brasileiro de autoatendimento e telepresença. Ele foi fabricado no Brasil, na cidade de Curitiba, pela empresa Human Robotics.

Projetado para interagir com humanos de forma autônoma e humanizada, Robios é responsável por realizar atendimentos, auxiliando as pessoas dentro de lojas e supermercados. Sua tecnologia incorpora um “rosto” com expressões programadas, como piscar e sorrir para o público. 

Advertisement

Leia também

TransBrasil inicia operações neste sábado, da Penha ao Terminal Gentileza

Leblon tem o condomínio mais caro do Brasil

Veja o vídeo

@cesariogus

eu seguindo esse robô pelo mercado e todo mundo me olhando #foryou #fyp

? som original – gus

Além disso, quando o assunto é marketing, o robô direciona os consumidores para ofertas e produtos, atraindo a atenção para marcas anunciadoras. Ele ainda pode realizar pesquisas e abastecer o CRM do cliente (Sistema de Gestão de Relacionamento com o Cliente).

Com uma abordagem amigável, os robôs estabelecem diálogos facilitadores, tornando o atendimento eficiente. As perguntas e respostas são geradas utilizando a inteligência artificial (IA)”, conta Olivier Smadja, fundador e CEO da Human Robotics.

Funcionário robô desperta simpatia, mas também gera preocupações com empregos

Se por um lado, muitos aprovaram a iniciativa de ter um empregado robô prestando assistência aos clientes, alguns internautas manifestaram preocupação com o avanço da inteligência artificial e uma possível substituição de humanos por máquinas.

Veja alguns comentários

“Ele sabe tudo”

“Já fico horas no mercado, imagine conversando com esse robô?”

“Sonho se o mercado da minha cidade fosse assim”

“Que legal! Saiu melhor que alguns atendentes que atendem de de mal humor”

Outros demonstraram certa apreensão

“Lindo, porém o desemprego vai ficar osso”

“Isso vai causar muito desemprego, mas ele é um querido”

“A tecnologia é assustadoramente legal”

Tão rápido quanto foi no atendimento no mercado, o próprio Robios tratou de responder os internautas nas redes sociais sobre essa questão, colocando panos quentes.

“Oieee! Minha função é tornar o dia a dia dos humanos mais leve, mas sem substituir seu trabalho, assim, realizo funções repetitivas para que meus colegas possam realizar suas funções principais“, disse o educado robozinho. 

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Black Mirror? Homem é atendido por robô em mercado da Barra da Tijuca e vídeo viraliza nas redes sociais

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui