Brigadeiro surgiu em campanha eleitoral no Rio de Janeiro

Um dos doces mais queridos e populares, o brigadeiro não apenas é carioca como surgiu durante uma campanha política

Foto de Leonardo Luz: https://www.pexels.com/pt-br/foto/brasileiro-chocolate-delicioso-saboroso-14493627/

Muito popular, o brigadeiro é um doce que agrada a uma quantidade enorme de pessoas. Mas o que poucos sabem é que sua origem foi exatamente no Rio de Janeiro. E mais, acredita-se que seu surgimento foi de uma forma bem curiosa para uma iguaria como essa: em uma campanha política.

Em dezembro de 1945, em um contexto de redemocratização e eleições presidenciais, o candidato da União Democrática Nacional (UDN) era o brigadeiro Eduardo Gomes. Vale explicar: brigadeiro é um posto existente nas forças armadas e forças de segurança de diversos países, ao qual compete tradicionalmente o comando de uma brigada. E foi exatamente daí que surgiu o nome do doce.

Para apoiar a campanha de Eduardo Gomes, os comitês de senhoras da sociedade organizavam reuniões requintadas, como chás da tarde, onde serviam doces variados e guloseimas deliciosas. Foi em um desses chás que uma doceira talentosa, Dona Heloisa Nabuco de Oliveira, surpreendeu a todos com uma novidade: um docinho feito com leite condensado e chocolate, que rapidamente conquistou o paladar de todos. Por ter surgido nesse contexto, o doce foi nomeado como brigadeiro em homenagem ao candidato.

Apesar do sucesso da sobremesa, Eduardo Gomes não foi eleito. Entretanto, a receita foi repassada pela família de geração em geração e até hoje é muito apreciada, sendo reconhecido como um doce brasileiro (e também carioca!).

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui