Caixa de som é apreendida em restaurante no Leblon por perturbar sossego dos moradores

Fato aconteceu no último domingo (30/04) no restaurante Zaya, na Rua Dias Ferreira; Prefeitura afirma que estabelecimento já havia infringido regras para uso de espaços públicos anteriormente

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Apreensão de caixa de som em restaurante no Leblon - Foto: Divulgação/Seop

Uma operação de choque de ordem coordenada pela Subprefeitura da Zona Sul do Rio de Janeiro em parceria com a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) apreendeu, na noite do último domingo (30/04), na famosa Rua Dias Ferreira, no Leblon, uma caixa de som irregular que perturbava o sossego dos moradores locais.

A ação aconteceu em frente ao restaurante Zaya e, de acordo com a Prefeitura, essa não é a primeira vez que a casa infringe as regras para utilização dos espaços públicos.

No início do ano, uma ampliação da calçada construída pelo estabelecimento foi removida. Na ocasião, o restaurante já havia sido autuado e devidamente alertado sobre as irregularidades.

  • ”Nossas operações de ordenamento na região são rotineiras e é necessário que tanto os donos dos estabelecimento quanto seus frequentadores se conscientizem da importância de seguir as regras para garantir o bom convívio entre todos, incluindo os moradores dos bairros”, destacou o subprefeito Flávio Valle.
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Caixa de som é apreendida em restaurante no Leblon por perturbar sossego dos moradores

Advertisement

Leia também

MP é acionado para investigar manifestantes que declaram apoio ao Hamas na frente da Câmara do Rio

Deputados propõem destinar R$15 milhões da Alerj para 10 municípios afetados por chuvas no RJ

Advertisement

10 COMENTÁRIOS

  1. Dificilmente algo será pior do que acontece no Centro, entre os Arcos da Lapa e a Pç. da Cruz Vermelha. Os moradores são torturados com som alto das boates e bares sem nenhum isolamento acústico a madrugada toda. Fiscalização nota -1.

  2. Que atitude maravilhosa, embora já deveriam ter sido tomada, a mais tempo. Torço para que essa Ordem referente ao Barulho, também chegue no Centro do Rio, no Bairro de Fátima, onde moradores estão doentes, precisando de remédios para dormir. Até quando precisamos aguentar esses Bares e Restaurantes, com o Som altíssimos, sem respeitar quem precisa de Sossego. Sou moradora Do Centro do Rio, precisamos de Socorro.

  3. O mesmo absurdo acontece na Av. Mem de Sá no Centro do Rio, principalmente nos fins de semana. O som alto dos bares vai até as cinco da manhã. Ainda por cima, a prefeitura retirou a opção de reclamar do som alto dos bares pelo site 1746. O eleitor está de olho… e não vai esquecer.

  4. Muito bem, parabéns à Prefeitura!!!!! Atitude correta, chega de barulho, chega de baderna, ninguém é obrigado a gostar e escutar a música dos outros, o meu direito começa onde termina o seu, espero que esse trabalho da Prefeitura se estenda por todos os bairros, em Vila Isabel é urgente porque os comerciantes colocam as caixas nas calçadastocando essas músicas lixos, tem uma barbearia – Kria, na Rua Sousa Franco, que promove festas na calçada, todos os sábados, com música altíssima, com essas letras retardadas, ninguém dorme e nem consegue escutar televisão, fiscais da prefeitura , por favor, visitem Vila Isabel, paraíso dos carros de som!!!!!!!

  5. Engraçado é que a Lei só funciona no Leblon…Basta ir na Lapa ou qualquer outro local que o sossego nunca existiu… Fundição Progresso continua sem acústica perturbando todos os moradores do centro, aqueles bares ridiculos da lapa tb e ninguém faz nada.

  6. Que bom! Que tudo funciona no Leblon.existem outros bairros na zona norte que sofrem com barulhos de música de batidão, aquelas músicas que parecem um bate estaca martelando a sua cabeça e a prefeitura nada faz.

  7. E porque não fazem uma lei seca ali? Porque não se cumpre a lei, ao invés da GM e da PM verem pessoas saindo alcoolizadas e pegando carros?
    Será porque ali não é lugar de pobre?

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui