Campo Grande ganha mural de grafite de artista baiano

Com mais de 46 metros quadrados, o mural conta com cores vibrantes, flores, borboletas, abelhas, beija-flores e joaninhas

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação Fundação RioAguas

Cores vibrantes, flores, borboletas, abelhas, beija-flores e joaninhas. O mural de mais de 46 metros quadrados, pintado pelo artista baiano Leandro da Conceição Santana, tem tudo para se tornar um novo point em Campo Grande. Inspirado no novo jardim de chuva que está sendo construído pela Fundação Rio-Águas, para melhorar o escoamento das águas pluviais da região, o painel multicor deixou a Rua C, nas adjacências da Avenida Paulo Afonso, mais colorida e ‘instagramável’, uma parada obrigatória para fotos.

A Fundação Rio-Águas está executando uma obra de drenagem na Avenida Paulo Afonso e urbanizando ruas do entorno, em Campo Grande. A Rua C, que ganhou o mural de grafite, é uma das beneficiadas. “Além da obra de drenagem, que está levando mais infraestrutura para a localidade, o mural traz mais cor e alegria para o local. A arte leva a transformação para onde está. Queremos deixar uma mensagem de esperança e inspiração aos moradores”, explica o presidente da Fundação Rio-Águas, Wanderson Santos.

O muralista Leandro da Conceição Santana, 39 anos, é natural de Salvador, na Bahia, e mora há 20 anos no Rio. Trabalhou por dois anos com o renomado artista Eduardo Kobra. Leandro vive da arte e tem em sua carreira murais de grafite e desenho artístico, que foram pintados em Salvador, São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo e também no Centro do Rio. Sua mais recente obra está em Campo Grande, na Zona Oeste. Também atuou na equipe de produção e criação de escolas de samba cariocas.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Campo Grande ganha mural de grafite de artista baiano
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui