Casa TUCUM promove cultura indígena no Centro do Rio

Artes, alimentos e, principalmente, as lutas indígenas são o destaque do espaço que fica na Rua do Rosário

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Prefeitura do Rio

Localizado na Rua do Rosário, número 30, no Centro da cidade do Rio de Janeiro, um local é destinado a promover a arte e questões ligadas às lutas indígenas. A Casa Tucum tem como intuito “estimular ou proporcionar a autonomia e a geração de renda para os povos indígenas e comunidades tradicionais“.

Liderada por duas Amandas (a Santana e a Scarparo), a Casa Tucum se define como um local que visa “promover a valorização das artes dos Povos Indígenas. Queremos mostrar para todo o mundo que no Brasil temos artistas indígenas que vivem nas florestas, cerrados, em aldeias ou nas cidades, produzindo incontáveis riquezas para a humanidade através de suas culturas”.

Na loja (que funciona domingo e quarta-feira: 10h às 17h. E quinta-feira, sexta-feira e sábado, das 11h às 19h), e no site, as artes produzidas por indígenas são comercializadas.

Advertisement

Além das artes, alimentos como chocolates e temperos também são comercializados na Casa Tucum. São muitos povos indígenas, de todo o Brasil, alcançados pelo trabalho da Casa.

Casa TUCUM 1 Casa TUCUM promove cultura indígena no Centro do Rio

Foto: Prefeitura do Rio

Toda ação da Tucum visa estimular ou proporcionar a autonomia e a geração de renda para os povos indígenas e comunidades tradicionais com que trabalhamos. Contribuir para a manutenção de suas culturas é honrar saberes que se renovam no fazer de cada produto, que por sua vez renovam nossa conexão com sofisticadas cosmologias. Fortalecer os povos indígenas é fortalecer a transmissão de conhecimentos que garantem não somente a sobrevivência destes povos, mas a nossa própria existência enquanto sociedade, capaz de reconhecer e valorizar suas raízes e sua história. Assessoramos organizações indígenas na estruturação da cadeia produtiva do artesanato, no desenvolvimento de seus negócios e também atuamos como parceiros comerciais na venda de seus produtos. Fazemos isso através de consultorias e comercialização de artesanatos indígenas na nossa plataforma Marketplace e em lojas parceiras no Brasil e no exterior“, informa a organização da Casa.

De acordo com a Casa Tucum, todo o trabalho é voltado para um olhar ativista para as causas indígenas: “Usamos nossos canais de comunicação para promover e engajar a sociedade à pauta do movimento indígena do Brasil“.

“Hoje no Brasil temos o privilégio de sermos conterrâneos e contemporâneos de centenas de povos indígenas. De testemunhar em seus olhos, suas lutas e suas culturas do que talvez seja o maior exemplo de resistência que a humanidade já conheceu. Esta resistência se materializa na arte, no artesanato. Cada cesto, cada pulseira, cada pintura carrega consigo esta marca. De tão lindos nos ensinam que a beleza, cuidadosamente tramada à mão, é um agente que forma e transforma a sociedade. Se são feitos hoje é porque seus sabedores seguem reexistindo“, explicam as responsáveis pela Casa Tucum.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Casa TUCUM promove cultura indígena no Centro do Rio
Advertisement
lapa dos mercadores 2024 Casa TUCUM promove cultura indígena no Centro do Rio
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui