Casal é preso, em Magé, após assassinar a facadas uma cadela e seus 11 filhotes

Segundo o delegado, no momento do crime, o casal estaria alcoolizado. Foi "um ato de extrema brutalidade e crueldade cometido sem motivo aparente," disse ele

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Criminosos que mataram a cadela e seus 11 filhotes são presos / Divulgação

Uma cadela e os seus 11 filhotes foram mortos a facadas por casal, em Magé, na Baixada Fluminense. Alex Silva Clementino, conhecido como Granada, e a sua companheira, Jane do Carmo Sabino, foram presos pela Polícia Civil, na manhã desta sexta-feira (10), após a Vara Criminal de Justiça de Vila Inhomirim decretar prisão preventiva de ambos por maus-tratos a animais seguido de morte.

O crime, segundo agentes da 66ª (Piabetá), teria ocorrido no dia 25 de fevereiro. Vizinhos do casal, que teriam presenciado e filmado o crime, seriam os responsáveis pela denúncia.

De acordo com as testemunhas, o casal teria amarrado a cadela em uma árvore. Enquanto Alex segurava o animal, Jane disferia golpes mortais de faca contra a cachorra. O mesmo procedimento foi executado contra os 11 filhotes da cadela.

Em um vídeo feito por uma das testemunhas mostra Jane segurando uma faca, e Alex próximo à árvore no quintal da casa. Posteriormente, o criminoso foi visto e filmado com um saco onde estariam os corpos da cadela e dos seus 11 filhotes.

Advertisement

Leia também

MP é acionado para investigar manifestantes que declaram apoio ao Hamas na frente da Câmara do Rio

Deputados propõem destinar R$15 milhões da Alerj para 10 municípios afetados por chuvas no RJ

O titular da 66ª DP, Tiago Venturini, afirmou que o crime teria sido cometido sem motivo aparente. Segundo o delegado, no momento do crime, o casal estaria alcoolizado. O delgado afirmou que a ocorrência foi “um ato de extrema brutalidade e crueldade cometido sem motivo aparente,” por conta disso e “diante de todos os elementos colhidos, a investigação foi finalizada com o pedido de prisão do casal pelo delito de maus-tratos qualificado pela morte dos animais. Após manifestação favorável do Ministério Público, o poder judiciário decretou a prisão preventiva do casal”, complementou o delegado.

Alex Silva Clementino e Jane do Carmo Sabino foram presos e encaminhados à Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), onde aguardarão decisão da Justiça.

Alex Silva Clementino e Jane do Carmo Sabino foram presos e encaminhados à Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), onde aguardarão decisão da Justiça.

As informações do jornal O Dia.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Casal é preso, em Magé, após assassinar a facadas uma cadela e seus 11 filhotes

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui