Cauã Baptista: Tem que acreditar

O colunista do DIÁRIO DO RIO comenta sobre a trajetória do Vasco da Gama no ano de 2023

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação/Vasco

Muitas lições podem ser tiradas para o Vasco da Gama com o ano de 2023, ano que contou com o maior orçamento de sua história (R$ 300 milhões), com 25 contratações e R$110 milhões investidos na compra de jogadores. Apesar disso o clube da colina não fez uma boa campanha no campeonato carioca e caiu na semifinal para o Flamengo com derrota na ida (3×2) e na volta (3×1), pela copa do brasil o clube caiu na segunda fase em casa diante do ABC nos pênaltis após um empate sem gols.

Restava ao clube concentrar suas forças para o campeonato brasileiro onde com a força de seu investimento a SAF projetava um ano sem riscos e mirava na permanência do clube na elite do futebol do país. Em campo foi bem diferente, contratações que não se firmaram, uma comissão técnica que não conseguia os resultados e até sua apaixonada torcida criou uma confusão generalizada em São Januário após a derrota para o Goiás que deixou o estádio interditado em um primeiro momento e obrigou o clube a jogar sem torcida por 90 dias.

Uma reunião de emergência foi convocada e a SAF liberou mais recursos no meio do ano para que uma mudança de rota fosse realizada e com isso o torcedor cruzmaltino que ocupava a lanterna do campeonato tivesse alguma esperança de dias melhores. Contou com a força de seu novo treinador Ramon Diaz para trazer peças pontuais para fortalecer o elenco e com isso voltar a disputar partidas mostrando um futebol mais competitivo que orgulhasse o torcedor e respeitasse a história do clube.

O Vasco fez uma boa campanha no segundo turno e chegou na ultima rodada do campeonato dependendo apenas de si para continuar na primeira divisão do futebol brasileiro. O clube recebeu o Red Bull Bragantino em São Januário e com a força de sua torcida o clube se manteve na Serie A do Campeonato Brasileiro.

Advertisement

O ano de 2023 provou ao torcedor do Vasco que coisas boas podem acontecer para aqueles que não perdem a esperança mesmo em um momento ruim, confiar no processo e em dias melhores a longo prazo porque, como todos já sabem, o Vasco é pra quem acredita.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Cauã Baptista: Tem que acreditar
Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. o vasco da gama é o exemplo clássico do samba “agoniza mas não morre”:

    Alguém sempre te socorre,
    Antes do suspiro derradeiro.

    E de suspiro em suspiro seguemnos vexames no campeonato brasileiro. 🙁

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui