‘Cidade Integrada’ na Muzema, na Zona Oeste do Rio, prioriza inclusão de pessoas com deficiência

Esta ação ofereceu uma série serviços gratuitos e orientações para mais de 130 pessoas com deficiência e familiares

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Philippe Lima

Na última sexta-feira (27/10), a comunidade da Muzema, situada no Itanhangá, na Zona Oeste do Rio, foi palco de uma ação social voltada para a inclusão de pessoas com deficiência. O evento, apoiado pelo programa Cidade Integrada do Governo do Estado do Rio, ofereceu uma série de serviços gratuitos e orientações, com destaque para atividades esportivas, assistência na obtenção de documentos civis, cadastramento para vagas de emprego, suporte psicológico e muito mais. Mais de 130 pessoas da foram atendidas.

Uma das beneficiadas, Aurilene Melo, de 28 anos, aproveitou a oportunidade para obter a segunda via de sua carteira de identidade e a primeira documentação de seu filho, Pedro Arthur, de apenas 10 meses. Ela foi prontamente atendida pela equipe da Fundação Leão XIII, que disponibilizou diversos serviços de forma gratuita. “Se eu tivesse que pagar por essa documentação, iria prejudicar o orçamento da semana da minha casa. Uso o dinheiro para comprar frutas para o meu filho. E o fato de essa ação ter sido perto da minha casa facilitou muito para mim” compartilhou Aurilene.

Entre as atividades oferecidas, a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan/Senai) proporcionou atividades esportivas adaptadas para pessoas com deficiência. E as crianças tiveram a oportunidade de experimentar o vôlei sentado, com a experiência sendo conduzida pelo professor de Educação Física, Leandro Rosa, do Sesi Cidadania.

A Secretaria de Estado de Trabalho e Renda (SETRAB) encaminhou aqueles interessados a vagas de emprego, enquanto o Centro de Integração Empresa Escola (CIEE) auxiliou jovens na busca de oportunidades de estágio.

Advertisement

A coordenadora do Cidade Integrada, Ruth Jurberg, enfatizou a relevância da ação social que proporcionou o acesso aos serviços públicos na comunidade. A Prefeitura do Rio também esteve envolvida no evento, oferecendo palestras com psicólogos para pessoas com deficiência e seus familiares. “O programa tem como objetivo e missão integrar as comunidades à cidade. Nesse sentido, a parceria com a Firjan e demais secretarias em um evento de inclusão para pessoas com deficiência é um grande avanço” afirmou Ruth.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp 'Cidade Integrada' na Muzema, na Zona Oeste do Rio, prioriza inclusão de pessoas com deficiência
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui