Cidades do interior do RJ terão salas de cinema com sessões gratuitas; confira

Além da já inaugurada em Areal, Casimiro de Abreu, Cordeiro, Guapimirim, Itaocara, Miracema, Paraty e São Pedro da Aldeia também receberão o projeto

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Sala da rede Cine+ em Areal - Foto: Gabriel Monteiro

Na última semana, o Governo do Rio de Janeiro inaugurou em Areal, no Centro-Sul Fluminense, o primeiro dos cinco cinemas que estão previstos para serem entregues em abril em variadas localidades do estado. No decorrer do mês, as cidades de Casimiro de Abreu, Guapimirim, Itaocara e Paraty também serão contempladas com a iniciativa, apoiada pela rede ”Cine+”.

O projeto é comandado pela Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa (Secec-RJ) e tem como objetivo transmitir cerca de 1.500 sessões por ano, a maior parte delas gratuitas e algumas com preços populares.

No decorrer de 2023, vale destacar, além dos municípios já citados, Cordeiro, Miracema e São Pedro da Aldeia também terão salas audiovisuais, por meio do também programa ”Cinema da Cidade”.

”São projetos que estão sendo executados em cidades de pequeno e médio porte, que, historicamente, não contavam com esse tipo de serviço”, explica a secretária Danielle Barros.

Advertisement

Leia também

Pedro Paulo cada vez mais certo como vice de Eduardo Paes – Bastidores do Rio

10 coisas que só quem anda de ônibus no RJ vai entender

”É um cinema-escola. Vamos oferecer capacitação técnica e artística para jovens que tenham interesse em adquirir conhecimento na área de gestão para equipamentos de fruição audiovisual”, complementa, por sua vez, Felipe Milhouse, diretor executivo da Cine+.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Cidades do interior do RJ terão salas de cinema com sessões gratuitas; confira

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. Adorei saber disso e informo que apesar de São Gonçalo ser o 2º em população, também não temos um cinema. Há alguns anos atrás participei aqui, do Festival de Cinema Tamoio e vi que aqui existe um nº enorme de jovens cineastas, que até já participaram de festivais no exterior e que não contam com um cinema pra chamar de seu. O Festival Tamoio aconteceu no SESC SG que cedeu o espaço do seu teatro para a apresentação dos filmes concorrentes. Por que não incluem nosso Município nesta lista.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui