Castro e Dino se reúnem para tratar de reforço na ajuda federal à segurança pública do RJ

Governador e ministro da Justiça debaterem eventuais melhorias no combate ao crime organizado em território fluminense

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Cláudio Castro e Flávio Dino, no Rio Centro / Foto: Rafael Campos (Divulgação)

O governador Cláudio Castro (PL) e o ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino (PSB) se reuniram, nesta segunda-feira (16), para a reforçar a parceria com o Governo Federal no combate à criminalidade no Rio de Janeiro. Além de 300 agentes da Força Nacional (FN), 270 policiais rodoviários federais estão sendo incorporados, especialmente ao patrulhamento das rodovias federais que cruzam o território fluminense. Metade do efetivo da FN já está na cidade, os demais agentes chegarão ao longo desta semana.

Durante o encontro, realizado no Palácio Guanabara, Castro fez um balanço da Operação Maré, além de sinalizar os próximos passos das ações policiais no Rio.

“Estamos entrando em uma segunda fase das ações de segurança com investigação de comércios e serviços que funcionam lavando dinheiro para o tráfico e a milícia. Uma parte da investigação será feita pela Fazenda estadual e a Polícia Civil e, em seguida, pela Polícia Federal. Nossa missão é atuar na asfixia dessa atividade financeira”, ressaltou o chefe do Executivo fluminense, acrescentando sobre a importância da realização do trabalho de inteligência em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal: “Colocamos à disposição da Polícia Rodoviária Federal  (PRF) os dados da segurança pública para uma ação mais efetiva. Essa integração é importante e continuaremos com esse alinhamento, principalmente no bloqueio de estradas e portos.”

O ministro Flávio Dino, por sua vez, destacou que a Força Nacional e a PRF atuarão em duas frentes: ostensiva, que ocorrerá nas rodovias federais, portos e na Baía de Guanabara; e intesificação de inteligência, com a combinação de tecnologia e aparatos internos policiais.

Advertisement

Estamos em um trabalho em conjunto fortalecido com o governo estadual. Envolve a PRF e a Força Nacional, que já começa nesta semana em campo com ações nas rodovias federais. Todos os dias haverá ações ostensivas. A operação é dinâmica, se altera a cada dia e poderá ser expandida para abranger vias expressas e outras vias públicas. Estamos incorporando mais policiais rodoviários federais, aproximadamente 270, e alocando mais 110 viaturas da PRF e da Força Nacional aqui no Rio de Janeiro. Estamos no caminho certo, do uso da inteligência e da tecnologia” ,  disse o ministro.

Operação Maré

Nesta segunda-feira (16), as forças de segurança do Estado realizaram operações no Complexo da Maré, nas comunidades da Vila do Pinheiro, Vila do João, Salsa e Merengue, Conjunto Esperança e Timbau. Durante as ações, 1 suspeito foi preso, 11 toneladas de barricadas foram removidas, 17 ruas desbloqueadas e mais de 120 Kg de cocaína foram apreendidos. Também foram encontradas uma arma, duas granadas e outras drogas. Na semana passada, as forças de segurança prenderam 25 criminosos, além de dar um prejuízo de R$ 20 milhões às associações criminosas através da apreensão de armas e entorpecentes.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Castro e Dino se reúnem para tratar de reforço na ajuda federal à segurança pública do RJ
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui