Cláudio Castro participa de reunião do Comitê Permanente de Segurança Escolar e destaca providências tomadas

Em 16 dias, o Governo do Estado identificou e derrubou 123 perfis de redes sociais que divulgavam ameaças, além de ter apreendido 21 menores

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Divulgação

O governador Cláudio Castro (PL), que está em missão em Londres, participou, nesta quinta-feira (20), de uma videoconferência sobre a situação das escolas no Estado do Rio, com o Comitê Permanente de Segurança Escolar, no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). Durante o evento virtual, Castro destacou as principais medidas tomadas pelas secretarias do seu governo, entre elas está a mobilização das policias Civil e Militar nas rondas, investigação e estratégias de Inteligência para evitar possíveis atos de violência nas unidades educacionais.

“Quero tranquilizar os responsáveis das crianças e jovens e dizer que estamos unidos, trabalhando incansavelmente para proteger a nossa rede escolar. Nossas polícias Civil e Militar estão atuando, realizando rondas escolares, investigação e trabalho de Inteligência e a Secretaria de Educação também atua junto à comunidade. Todos os equipamentos do Estado estão à disposição da população”, disse Castro.

O vice-governador Thiago Pampolha, por sua vez, enfatizou o trabalho coordenado do comitê, que inclui ações da Patrulha Escolar.

O monitoramento e o levantamento das informações, a troca e o debate são fundamentais. As ações da Patrulha Escolar, a inteligência da Polícia Civil agindo de forma integrada com a Polícia Militar, o aplicativo Rede Escola em construção, e sobretudo, o empenho de cada órgão, instituição e secretaria definem o trabalho assertivo que estamos fazendo desde o marco zero da criação do Comitê Permanente de Segurança Escolar”, esclareceu Pampolha, que também é secretário do Ambiente e Sustentabilidade.

Advertisement

Leia também

10 coisas que só quem anda de ônibus no RJ vai entender

Polícia Militar planeja ampliar sistema de reconhecimento facial para 650 câmeras no RJ

Em 16 dias, o Governo do Estado identificou e derrubou 123 perfis de redes sociais que divulgavam ameaças, além de ter realizado 27 buscas e apreensões, apreendido 21 menores infratores e prendido quatro pessoas.

Na reunião, a secretária de Educação, Roberta Barreto lembrou a criação do aplicativo Rede Escola, cujo objetivo é conectar os profissionais de ensino às forças policiais, para gerar atuações rápidas e seguras.

O Rede Escola vem para aprimorar o uso da tecnologia no nosso ambiente escolar. Todos os nossos profissionais já têm acesso ao aplicativo 190RJ, que é uma ferramenta de controle e prevenção de quaisquer ameaças de ataques nas escolas da rede. Com relação ao dia de hoje, podemos garantir que a cultura de paz, amor e segurança se manteve forte nesta manhã. Acreditamos que a escola é um espaço transformador e que leva à emancipação de todos os cidadãos”, afirmou a secretária.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Cláudio Castro participa de reunião do Comitê Permanente de Segurança Escolar e destaca providências tomadas

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui