Com apenas 5 lojas no Rio, Leader anuncia mega-liquidação em meio a especulações sobre seu fim

Agendada para esta sexta-feira (31/05), a liquidação parece uma tentativa de queima de estoque, indicando um possível encerramento das atividades da marca

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

Nesta quinta-feira (31/05), as Lojas Leader surpreenderam seus seguidores ao anunciar uma mega-liquidação em suas redes sociais, em meio a rumores sobre o possível fim da marca. A notícia veio após o fechamento de cerca de 30 lojas apenas no município do Rio, levantando questionamentos sobre a viabilidade da rede varejista.

A situação da Leader foi recentemente exposta pelo DIÁRIO DO RIO, que revelou a profundidade da crise financeira enfrentada pela empresa. Controlada pelo banco de investimentos BTG Pactual até 2016, a Leader entrou em um período de turbulência que culminou no pedido de falência, com uma dívida que chegou a 1 bilhão de reais. Parte dessa dívida inclui uma disputa de 9 milhões de reais com a família Furlan, proprietária da rede de lojas Seller, adquirida pela Leader em 2013.

Em 2020, a Leader negociou um plano de recuperação judicial com seus credores para lidar com sua dívida. Dois anos depois, a Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro (PGE-RJ) estabeleceu um acordo para amortizar 810 milhões de reais da dívida ativa da empresa ao longo de 180 meses.

Advertisement

Atualmente, restam apenas cinco lojas da Leader na capital fluminense: no Norte Shopping, Taquara, Bonsucesso, São Cristóvão e Centro. A maior unidade da marca, na Rua Uruguaiana, foi alvo de reportagens exclusivas do DIÁRIO DO RIO que destacaram as dívidas acumuladas, incluindo mais de um ano de aluguel e falta de pagamento do condomínio do Edifício Sloper.

O fechamento em massa das lojas levou a uma onda de protestos dos funcionários, que denunciaram salários atrasados e outras dívidas nas redes sociais da empresa. Em resposta, a Leader desativou os comentários em suas postagens e cessou sua atividade nas redes sociais. Até mesmo a porta-voz da marca, Jana Moraes, anunciou sua saída em abril após sete anos, expressando apoio aos colaboradores prejudicados.

img 8592 1 Com apenas 5 lojas no Rio, Leader anuncia mega-liquidação em meio a especulações sobre seu fim
Postagem de Jana Moraes, nas redes sociais, em abril – Foto: Reprodução/Instagram

Na recente postagem de quinta-feira, a Leader usou mensagens de consumidores questionando o fechamento das lojas e declarou “Não morremos!”. A marca então anunciou uma mega-liquidação que ocorrerá nesta sexta-feira (31/05).

Para muitos, essa liquidação parece uma tentativa de queima de estoque, indicando um possível encerramento das atividades da marca. Outros veem a ação como um esforço para atrair clientes e revitalizar as vendas.

Sem espaço para especulações, é claro que a Leader, que já foi um nome forte na moda e vestuário no Brasil, perdeu terreno em um momento crítico enquanto seus concorrentes se fortaleceram no mercado nacional. A mega-liquidação pode ser um último esforço para reverter essa trajetória negativa.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Com apenas 5 lojas no Rio, Leader anuncia mega-liquidação em meio a especulações sobre seu fim
Advertisement

6 COMENTÁRIOS

  1. Gente, e a LEADER TIJUCA, na rua Conde de Bonfim? Fechou tbm?????

    Estamos muito tristes… Gostamos dos produtos da LEADER.

    Mas, quem sabe a Rede de Lojas não se recupera? Oxalá?Se DEUS quiser ??????

    Fraterno abraço pra TODAS e TODOS.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui