Com paralização do Guandu pela Cedae, Águas do Rio aproveita para melhorar seus sistemas de distribuição

Por conta da complexidade dos serviços, na Baixada o abastecimento será interrompido seis horas antes do horário marcado pela Cedae

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

A concessionária Águas do Rio comunica que, entre as 4h de quinta-feira (16) e as 4h de sexta-feira (17), o Sistema Guandu terá a produção de água tratada paralisada para que a Cedae realize a manutenção anual preventiva. A concessionária, que é responsável pelo abastecimento em partes da capital e Baixada Fluminense, aproveitará a paralisação para fazer melhorias e recuperação nos sistemas de distribuição de água. Para isso, a suspensão do fornecimento de água será antecipada para as 22h de quarta-feira (15). 

“Os serviços que vamos executar são complexos e alguns dependem que as tubulações de grande porte estejam secas. Essa janela da manutenção preventiva nos dará essa oportunidade. Em Nova Iguaçu, por exemplo, aproveitaremos para substituir trecho deteriorado de uma adutora com um metro de diâmetro, trabalho que não teria como ser feito em um dia comum, sem gerar impactos aos nossos clientes”, explicou o diretor de operações da concessionária, Joselio Alves Raymundo.

A concessionária precisou antecipar a paralização do fornecimento na Baixada, no dia 15, quarta-feira, para às 22h. Serão atingidas as cidades de Belford Roxo, Duque de Caxias, Mesquita, Nova Iguaçu, Nilópolis, Queimados e São João de Meriti. A medida visa a execução de 18 serviços. Entre eles estão seis intervenções em tubulações de grande porte – serviços de finalização mais demorada.

Na cidade do Rio, a empresa é responsável pelo abastecimento do Centro e das zonas Norte e Sul. Nessas regiões, a suspensão da distribuição de água terá início às 4h de quinta-feira (16), para a realização de mais de 30 serviços operacionais. Na Baixada e capital também serão feitas intervenções nos sistemas de bombeamento de água, como reparos e substituições de motores e equipamentos elétricos, para melhorar a eficiência operacional.  Mais de 70 serviços de melhorias nos sistemas de distribuição de água serão realizados nas localidades.

Advertisement

Após a execução dos serviços, o fornecimento nas áreas de atuação da Águas do Rio será normalizado em até 72 horas. O processo pode ser mais demorado nas pontas de rede, áreas de elevação ou locais onde forem verificados problemas durante o processo de retomada do abastecimento. Para evitar transtornos desnecessários, a concessionária orienta a população a manter cisternas e caixas d’águas abastecidas, para a realização de atividades prioritárias até a regularização do fornecimento.

Contato para com a Águas do Rio pelo número: 0800 195 0 195, disponível para ligações gratuitas e mensagens via WhatsApp.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Com paralização do Guandu pela Cedae, Águas do Rio aproveita para melhorar seus sistemas de distribuição
Advertisement
lapa dos mercadores 2024 Com paralização do Guandu pela Cedae, Águas do Rio aproveita para melhorar seus sistemas de distribuição
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui