Comércio de Niterói projeta aumento de vendas para o Dia dos Pais

Com previsão de aumento entre 3% e 7%, o comércio niteroiense está otimista. A recuperação do crédito por consumidores através do Desenrola Brasil também deve ajudar o comércio

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
MAC Niterói - Foto Daniel Martins

O Dia dos Pais, que será celebrado no dia 13 de agosto, está sendo visto com otimismo pelo comércio de Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Segundo o Sindicato dos Lojistas (Sindilojas) do município, a projeção é de que as vendas registrem um aumento entre 3% e 7%, em relação ao Dia dos Pais de 2022.

Para Charbel Tauil, presidente do Sindilojas, a movimentação pode surpreender e registrar resultados ainda melhores. Tauil destacou que, com as negociações de dívidas, através do Programa Desenrola, do Governo Federal, muitos consumidores devem recuperar a sua capacidade de compra e impulsionar o comércio.

“Esta é a primeira data comemorativa desde o início do programa. Apenas nesta primeira etapa, o Ministério da Fazenda prevê que 1,5 milhão de CPFs sejam desnegativados. Por isso esperamos um impacto direto nas vendas do comércio para este dia”, afirmou o presidente do Sindilojas de Niterói, segundo o jornal O Globo.

No dia que diz respeito à procura por presentes, Charbel Tauil explicou que roupas deverão ocupar o topo do raking dos itens mais procurados. Em seguida, virão produtos tecnológicos, como fones bluetooth, smartphones, smartwatches, drones e assistentes virtuais.

Advertisement

Charbel lembrou que a data sempre enseja comemorações em bares e restaurantes, que devem registrar uma grande movimentação na data. Ele destacou que, apesar de os polos gastronômicos de Niterói serem atrativos, ainda faltam incentivos específicos e uma programação voltada para a divulgação dos espaços por parte da prefeitura da cidade nesta data.

“Os comerciantes de Niterói fizeram sua parte, reforçando estoques, motivando suas equipes, criando promoções e facilitando as formas de pagamento. Mas a categoria sente falta do apoio do Poder Público, que poderia estar realizando atividades culturais e de lazer pela cidade para atrair consumidores aos centros comerciais. Vale lembrar mais uma vez que o setor de comércio e serviços é o que mais emprega em Niterói e tem suma importância na geração de emprego e renda, bem como na arrecadação do município”, disse Charbel Tauil ao veículo.

As informações são do jornal O Globo.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Comércio de Niterói projeta aumento de vendas para o Dia dos Pais
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui