Comlurb recolheu 69,7 toneladas de lixo após o desfile de sábado no Sambódromo

Blocos, Intendente Magalhães e bailes de rua de sábado produzem 127,8 toneladas de lixo, e foliões colaboram descartando os resíduos nas lixeiras

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

As equipes da Comlurb removeram 69,7 toneladas de resíduos após o sábado, 10 de fevereiro, segunda noite de desfiles da Série Ouro, no Sambódromo. Na área interna da Passarela do Samba, foram removidas 40,2 toneladas, incluindo 15,3 toneladas de materiais potencialmente recicláveis. A limpeza na área externa gerou 32,1 toneladas de resíduos. Desde a pré-limpeza da Passarela do Samba, nos dias que antecederam a abertura oficial, a quantidade removida de resíduos soma 133,2 toneladas, das quais 15,3 toneladas são materiais recicláveis.

Nos blocos de rua, desde o início do pré-carnaval em 20 de janeiro, a Comlurb já recolheu 118,3 toneladas de resíduos, com 96 toneladas coletadas nas agremiações deste sábado. Destacam-se o Bloco Cordão do Bola Preta, no Centro, com 11,8 toneladas, o Céu na Terra, em Santa Teresa, com 10,8 toneladas, a Banda de Ipanema, com 19,1 toneladas, e o Carnaeco, na Barra, com 6,1 toneladas.

IMG 20240211 WA0226 Comlurb recolheu 69,7 toneladas de lixo após o desfile de sábado no Sambódromo

Após o segundo dia da folia, a Comlurb contabiliza a remoção de 460,7 toneladas de resíduos desde o pré-carnaval. É perceptível uma maior conscientização por parte dos foliões, que estão utilizando os contêineres distribuídos ao longo dos trajetos para descartar o lixo, facilitando assim o trabalho dos garis.

Os desfiles na Intendente Magalhães e na Avenida Chile na noite de sábado geraram 3,4 toneladas de resíduos. O grupo “Chegando de Surpresa”, composto por garis que utilizam música e dança em campanhas de conscientização, está realizando a abertura do Carnaval da Intendente todos os dias.

Advertisement

Leia também

‘Guadalupe’, ‘Lobo Júnior’, ‘Fiocruz’ e mais: confira os nomes das 20 estações do BRT Transbrasil

Dengue: Ministério da Saúde envia 1º lote de vacinas enquanto RJ intensifica medidas de combate

As equipes do Lixo Zero aplicaram desde o início do pré-carnaval, em 13 de janeiro, 468 multas, sendo 69 por descarte de pequenos resíduos, no valor de R$ 282,38 cada, 399 por pessoas urinando em via pública, no valor de R$ 773,65 cada, e outras 12 por infrações diversas da Lei de Limpeza Urbana.

A Comlurb mobilizou até 3.633 garis por dia para este Carnaval. Para a limpeza interna do Sambódromo, são até 872 garis diariamente, incluindo 30 no serviço de coleta seletiva e 20 na limpeza dos postos de saúde instalados na Marquês de Sapucaí.

O carnaval na Estrada Intendente Magalhães conta com até 101 garis diariamente, com o apoio de cinco caminhões compactadores, dois veículos tipo satélite para coleta, três varredeiras de grande porte, três varredeiras de médio porte, duas minivarredeiras e três pipas d´água, além de duas vans motobomba de alta pressão para lavagem da pista de desfiles com água de reuso.

Para atuação nos blocos, são mobilizados até 2.450 garis por dia nas maiores agremiações. Foram disponibilizados até 1.000 contêineres de 240 litros e 700 caixas metálicas de 1.200 litros nas concentrações dos blocos.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Comlurb recolheu 69,7 toneladas de lixo após o desfile de sábado no Sambódromo

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui