Concer instala passagens na decida da Serra de Petrópolis para o uso dos animais silvestres

A medida faz parte do projeto Caminhos da Fauna, que completou 16 anos em 2022, e já salvou a vida de quase 800 animais

Imagem meramente ilustrativa / Foto: Assessoria de Comunicação Social da Guarda Municipal do Rio

O projeto “Caminhos da Fauna”, da Concer, concessionária que administra a Rio-Juiz de Fora, concluiu, nesta semana, a instalação de três passagens suspensas na pista de decida da Serra de Petrópolis, para o uso dos animais silvestres. As “passarelas para animais” contam com dois acessos localizados na altura do km 86 da BR-040, e um terceiro na altura do km 95. Com a medida, a Concer espera reduzir a mortandade de animais, além de acidentes ou interrupções no trânsito.

As passagens foram escolhidas tomando como base a movimentação dos animais na estrada. Na região é predominante a presença de preguiças, micos, ouriços e outros animais silvestres da Mata Atlântica. As “passarelas para animais” contam com equipamentos para monitoramento da fauna, de forma a garantir o aprimoramento das ações de preservação das espécies, o aumento das populações locais e o diminuição dos impactos da presença humana no bioma.

Com 5 metros e 50 centímetros de altura, as passagens suspensas destinadas aos animais são feitas com sisal, madeira de reflorestamento e cabos de aço encapados, para evitar o aquecimento ou desconforto aos animais.  A sua instalação na descida da Serra de Petrópolis deve-se ao fato de a região reunir unidades de conservação, como: o Refúgio da Vida Silvestre da Serra da Estrela, a Reserva Biológica do Tinguá (Rebio Tinguá) e a Área de Proteção Ambiental de Petrópolis (APA) Petrópolis.

O projeto Caminhos da Fauna, que completou 16 anos em 2022, já salvou a vida de quase 800 animais. Entre as ações estão o recolhimento de animais silvestres na rodovia e, caso necessário, o seu encaminhamento à clínicas veterinárias. Através do projeto, a Concer também presta socorro à fauna em consequência de queimadas, além de receber animais apreendidos ou vítimas de acidentes e de predadores nas imediações da BR-040 e em áreas de preservação ambiental ao longo da rodovia.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui