Construção irregular que ocupava metade de rua no Recreio dos Bandeirantes é demolida

A via agora será restaurada e devolvida à população. O trecho em questão, que ainda é de terra, receberá asfaltamento

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

A Secretaria de Ordem Pública (SEOP) e a Subprefeitura da Barra, Recreio e Vargens demoliram, nesta terça-feira (29/08), os muros construídos de forma irregular em área pública, numa das pistas da Rua Athos Bulcão, no Recreio dos Bandeirantes. As estruturas atrapalhavam significativamente o trânsito no local, no trecho próximo à esquina da Rua Claude Monet.

A via agora será restaurada e devolvida à população. O trecho em questão, que ainda é de terra, receberá asfaltamento para a retomada do fluxo normal de veículos.

Essa demolição faz parte de um planejamento para a melhoria da mobilidade na região. Essa rua, quando for asfaltada, será uma alternativa à Avenida das Américas. Nessa mesma região, estamos fazendo o alargamento de um retorno da Avenida das Américas“, afirmou o subprefeito da Barra, Recreio e Vargens, Raphael Lima.

Segundo o secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale, esse muro foi construído de forma totalmente ilegal, avançando e invadindo o espaço público: “estamos fazendo a demolição em atendimento aos interesses dos moradores e para permitir o investimento da Prefeitura na região. Uma das prioridades da SEOP é preservar a utilização correta do espaço público. E assim seguiremos atuando“, destaca Brenno Carnevale.

Advertisement

Participaram ainda da operação agentes da Guarda Municipal e Comlurb.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Construção irregular que ocupava metade de rua no Recreio dos Bandeirantes é demolida
Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. igualzinho aqui em Bangu – só ligar 1746 que eles vem e expulsam os moradores…descendentes dos avos de quem construiu – como deve ser bom morar onde a prefeitura do rio atua

  2. Subúrbio zona leopoldina largados e pelados de abandono pela Predeitura de Exu Paes, às calçadas usurpadas e alugadas, vem em Brás de Pina e verás a maldição

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui