Copacabana recebe operação contra consumo de drogas e prática de delitos; 26 suspeitos são abordados

A maioria das pessoas abordadas tinha antecedentes criminais; ação apreendeu facas, objetos perfurocortantes e recipientes para armazenar drogas

Operação contra consumo de drogas e prática de delitos em Copacabana em 07 de dezembro de 2022 - Foto: Divulgação

Órgãos do Governo do Rio de Janeiro, auxiliados por policiais do 19º BPM, Copacabana Presente, Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (BPTur) e pela Superintendência da Zona Sul (Segov), realizaram, nesta quarta-feira (07/12), uma operação integrada com o objetivo de reprimir o consumo de crack e delitos praticados por marginais em Copacabana.

Durante a operação, 26 suspeitos foram abordados pelos agentes. A maioria deles tinha antecedentes criminais que incluem furto, roubo, receptação, agressão, desacato, porte e tráfico de drogas, além da Lei Maria da Penha. Na ação, foram apreendidos facas, objetos perfurocortantes, cachimbos de crack e recipientes para armazenar drogas.

Operação contra consumo de drogas e prática de delitos em Copacabana em 07 de dezembro de 2022 – Foto: Divulgação

”O secretário Rodrigo Bacellar [Secretaria Estadual de Governo], foi incisivo na determinação para que realizássemos essas operações integradas e preventivas com o intuito de combater o uso do crack, além de inviabilizar os delitos praticados nos bairros da Zona Sul. Agiremos com rigor para dar mais segurança à população”, afirmou Marcelo Maywald, que comanda a Segov.

A ação aconteceu na Avenida Nossa Senhora de Copacabana; ruas Barata Ribeiro, Tonelero, Siqueira Campos e Figueiredo de Magalhães; praças do Lido, Serzedelo Corrêa e Shimon Peres; túneis e outros pontos do bairro.

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. A pergunta é: quantos já foram soltos e quantos ficarão presos…se é que alguém ficou preso…A polícia prende e a justiça solta, baseada nas “rigorosas” leis que nossos parlamentares fazem para o mundinho de Alice em que eles vivem.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui