Core tem 2 animais premiados no 7º torneio de cães farejadores do Batalhão de Ações com Cães

Nascidos na Core, os jovens Krieguer e Nagant são irmãos e foram treinados para as suas funções desde os seus primeiros dias de vida

Krieguer e Nagant foram premiados em competição de detecção de explosivos e entorpecentes / Foto: Ascom Core

Os cães Krieguer e Nagant, que trabalham como animais farejadores na Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core), conquistaram premiações importantes no 7º torneio de cães farejadores do Batalhão de Ações com Cães (BAC), nesta sexta-feira (11). Os animais são da raça Pastor Belga de Malinois e ficaram em primeiro lugar na prova de detecção de explosivos; e, em segundo lugar, na de entorpecentes, respectivamente. De acordo com a Core, Krieguer e Nagant representam a renovação do canil da corporação.

Nascidos na unidade da Core, os jovens Krieguer e Nagant são irmãos e foram treinados para as suas funções desde os seus primeiros dias de vida. Os animais são filhos de outros cães que foram levados para a Coordenadoria, em 2017, depois que os policiais foram fazer cursos de especialização sobre animais de faro na Colômbia, país que é referência na área em toda a América Latina.

O 7º torneio de cães farejadores do Batalhão de Ações com Cães (BAC), aconteceu na sede do Comando de Operações Especiais da Polícia Militar do Rio, em comemoração ao Dia do Cachorreiro, celebrado no dia 5/11. Foi a primeira vez que o Brasil foi sede da competição, da qual participaram várias instituições e unidades de Segurança Pública.

As informações são do jornal O Globo.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui