Covid-19 apresenta tendência de queda no RJ

Número de casos por início dos sintomas registrado por semana passou de 31.764 para 13.487, o que representa uma redução de 57,53%

Testagem para a Covid-19 - Edu Kapps / Prefeitura do Rio

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou que os indicadores da Covid-19 no Estado do Rio de Janeiro, na sexta-feira (02/12), apresentaram tendência de redução. A análise considera os dados registrados nas semanas epidemiológicas 46 (13 a 19 de novembro) e 47 (20 a 26 de novembro). No período analisado, o número de casos por início dos sintomas registrado por semana passou de 31.764 para 13.487, o que representa uma redução de 57,53%.

As taxas de positividade de antígeno e RT-PCR também apresentam tendência de queda. Entre os dias 20 e 26 de novembro foram realizados em média 10 mil testes de antígeno por dia, sendo a positividade de 30%. Em relação ao RT-PCR, estão sendo analisados em média 468 exames por dia, com positividade de 35%. Na semana de 13 a 19 de novembro, a positividade dos testes de antígeno estava em 32% e a dos exames de RT-PCR, em 40%.

Os atendimentos a casos de síndrome gripal nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da rede estadual tiveram queda de 15% no período analisado. Na semana de 20 a 26 de novembro, foram registrados 2.757 atendimentos, sendo 2.610 em adultos. Já na semana de 13 a 19 de novembro, foram 3.256 atendimentos, sendo 3.074 em adultos.

As solicitações de leitos para tratamento da Covid-19 apresentaram redução na semana de 20 a 26 de novembro, com uma média de 26 pedidos por dia, sendo 14 para UTI e 12 para enfermaria. Na semana de 13 a 19 de novembro, a média de solicitações era de 32 leitos por dia, sendo 18 para enfermaria e 14 para UTI. Na onda causada pela variante Ômicron em janeiro e fevereiro deste ano, a média diária de solicitações de leitos chegou a 177, incluindo enfermaria e UTI. E no pico da onda causada pela variante Gama, em março de 2021, essa média diária chegou a 422 solicitações.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui