Cristo Redentor pede paz para o mundo

O monumento ao Cristo Redentor recebeu a palavra paz em diversas línguas, convidando o mundo a rezar pela paz

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

O Santuário Arquidiocesano Cristo Redentor se solidariza com as famílias das vítimas dos conflitos no Oriente Médio. Na noite desta segunda-feira, o monumento ao Cristo Redentor recebeu a palavra paz em diversas línguas, convidando o mundo a rezar pela paz.

Vivemos tempos difíceis, guerras urbanas, guerras entre países, e nós somos chamados a ser testemunhas da paz. O Cristo Redentor, mediador entre nós, a todos ilumine”, disse o arcebispo do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta. Ontem, o Papa Francisco disse que “a guerra é uma derrota”.

Expresso a minha proximidade às famílias das vítimas, rezo por elas e por todos aqueles que vivem horas de terror e angústia. Por favor, parem com os ataques e as armas! e se compreenda que o terrorismo e a guerra não levam a nenhuma solução, mas apenas à morte e ao sofrimento de muitas pessoas inocentes. A guerra é uma derrota: toda guerra é uma derrota! Rezemos pela paz!”, pediu o Papa Francisco.

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Cristo Redentor pede paz para o mundo
Advertisement

6 COMENTÁRIOS

  1. Kkkkk mula dos infernos!!Aposto q “estudou lendo livros da Chiquita,o “grande historiador ” da carochinha!!!Vá ler jornal da época seu palerma,e pare de arrotar asneiras!!

    • Jornal da família Marinho, ou de famílias de milionários que tratam gente sem cérebro como gado? Você demonstra uma inteligência realmente fora do padrão, provavelmente formada por jornalistazinhos de direita bem picaretas e por pilantras da fé (padres e pastores). Não é à toa que o mundo é o que é.

      • Kkkkk coitadinho…se o mundo dependesse da sua” inteligência” e “perspicácia ” ainda estaríamos na idade da pedra lascada…
        Vc poderia ajudar o planeta fazendo o q recomenda aos outros…diminuir a população. Dê o exemplo, comece por vc mesmo!!!Nunca li tanta asneira!!

  2. Como é possível haver paz em um ambiente onde TODOS querem crescer indefinidamente? É preciso crescer a produção, as vendas, o consumo, os lucros, as economias, a população…mas há espaço no planeta para que tudo isso cresça?
    Se o tamanho do planeta e os recursos nele disponíveis não crescem junto com a atividade humana, não é mais do que lógico imaginar que para um crescer, é preciso tomar o espaço do outro? Quando vários querem igualmente crescer, vários outros também não perderão espaço? Quem está disposto a perder espaço? Quem não luta para pelo menos manter o espaço que já tem? E quem abre mão de crescer?
    Se insistirmos na lógica de expandir, atingir mais, e depois mais, e sempre mais, o discurso da paz é oco e apenas protocolar.
    A paz é impossível se não abandonarmos a lógica do AUMENTO da presença e da atividade humanas.

    • Avisa isso aos genocidas de Israel que desde a década de 1950 (muito antes de existir Hamás), em nome de uma expansão de fronteiras criminosa, já expulsava, prendia e matava Palestinos nos territórios que ocupam por direito há séculos. Quem começou a violência foi o estado sionista de Israel. Agora, que paguem por isso.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui