Dandara Alves lança seu primeiro álbum no Rio Scenarium e no ParkJacarepaguá

Dandara canta no dia 04/02 no Rio Scenarium (Centro) e no dia 13/02 no Bar do Zeca Pagodinho (Jacarepaguá)

A direção musical do show ficará a cargo da própria cantora. Foto: Uênia Barros / Divulgação

Dandara Alves, cantora e compositora, lançou seu primeiro álbum “A Voz do Suor” nas plataformas digitais em janeiro deste ano e agora faz as duas primeiras apresentações deste projeto em shows no Rio Scenarium, no dia 04/02, sexta, e no Bar do Zeca Pagodinho de Jacarepaguá no dia 13/02, domingo.

O álbum, que teve a produção musical de Alessandro Cardozo (Latin Grammy 2018 e 2021), dividindo os arranjos com Rafael dos Anjos (Latin Grammy 2018 e 2021) e Paulão 7 Cordas (arranjador e músico de Zeca Pagodinho), evidencia suas referências musicais, com influências que vão do forró ao jazz. Vem com duas músicas inéditas: a que dá título ao disco “A Voz do Suor”, de Alessandro Cardozo e Leandro Saramago, e “Pequenas Lembranças” (dela em parceria com Selma do Samba).

Com 10 músicas em seu repertório, Dandara também mostra nesse disco composições de nomes como Toninho Geraes e Roque Ferreira (“De Bar em Bar”), de Diogo Nogueira, Fred Camacho e Leandro FAB (“Te Amar é Viver”) e João Martins (“Suspiro”), entre outros, além da participação da Velha Guarda da Portela na música “Vai Mesmo”, composição de Antônio Rufino, um dos fundadores da escola.

O show “A Voz do Suor” mostrará as 10 faixas que compõem o álbum, com os arranjos originais escritos por Alessandro Cardozo, Rafael dos Anjos e Paulão 7 Cordas. O repertório contará ainda com outras músicas que marcaram a discografia de Dandara, como “Salve o Samba” (Anderson Paulista/Alexandre Poeta/Junior Sorriso), música de seu EP “Samba Derradeiro” lançado em 2016.

“Dia de Jorge Guerreiro” (Renan Paixão), gravada em homenagem ao seu santo de devoção, São Jorge, e “Alguém Me Avisou” (Dona Ivone Lara), música que marcou sua participação no reality show Canta Comigo da Record TV, além de clássicos do samba que a influenciaram na formação musical, como Lecy Brandão, Clara Nunes, Beth Carvalho e Fundo de Quintal. A direção musical do show ficará a cargo da própria cantora e a produção executiva será de Luciana Vieira.

Dandara se apresentará ao lado dos músicos Paulo Henrique, cavaco, Rennan Júnior, violão, Tom Tom, flauta, Carlos Jonata, percussão, Emerson Lopes, percussionista, e Igor Telles, bateria.

Dandara é paraibana e radicada no Rio de Janeiro desde 2018. Profissional da música há mais de uma década, na Paraíba idealizou e coordenou o projeto “Samba da Hora”, que promoveu a audição de mais de 100 composições de autores paraibanos. Com sua vinda para o Rio de Janeiro já passou pelos grandes redutos do Samba como o Renascença Clube e o Cacique de Ramos, onde foi agraciada pela diretoria com o diploma “Seja Sambista Também”.

Serviços:
Rio Scenarium (Rua do Lavradio, 20 – Centro – Tel: 3147-9000/3147-9001)
Data: 04 de fevereiro, sexta, às 23h30
Ingressos: Antecipado: R$30,00; Na hora: R$45,00 (nascidos ou moradores do Grande Rio têm 50% desconto no valor do ingresso, até às 22h)
* Ingressos antecipados pela Sympla ou no ponto de venda: Restaurante Mangue Seco – Rua do Lavradio 23, Centro – Horário: segunda e terça: de 11h às 15h; quarta à sábado: de 11h às 23h.
Bar Do Zeca Pagodinho ParkJacarepaguá (Estrada de Jacarepaguá, 6069 – Anil/ Jacarepaguá)
Data e horário: 13 de fevereiro de 2022, domingo, às 18h30min
Preço: R$ 30,00
Capacidade: 50% do público
Faixa etária: 18 anos

OBS: *Não fazem reservas de mesas

         * Entrada somente com máscaras

         * É obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação

Formada em cinema e jornalismo. Também trabalha como assessora de imprensa, locutora e repórter de TV. Escreve em sites e blogs desde 2002. Passou pelas redações do Jornal do Brasil e O Dia. Em 2012 fundou o blog Bonde da Bardot, sobre animais e meio ambiente.
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui