Dauro Machado: Mais protetores para a Terra Sagrada

Colunista do DIÁRIO DO RIO fala sobre a Ordem Eqüestre do Santo Sepulcro de Jerusalém

Dentre as muitas instituições ligadas à Igreja Católica, poucas são diretamente tuteladas pelo Santa Sé e pelo Santo Padre. A Ordem Eqüestre do Santo Sepulcro de Jerusalém é uma destas poucas associações internacionais de fiéis Católicos que estão diretamente sob a tutela do Romano Pontífice.

Criada há séculos pelo Cruzado, Godofredo de Bulhões, á época denominada de “Cônegos do Santo Sepulcro) a hoje Ordem, segue mantendo suas tradições, algumas com traços medievais e segue firme em seu único propósito: Prover e zelar pelas obras do Patriarcado Latino de Jerusalém, na Terra Santa.

Os Cavaleiros e Damas presentes em todo o mundo, tem o sagrado dever de todos os meios possíveis manter e sustentar creches, escolas, dispensários, faculdades, orfanatos e tantas outras instituições caritativas que servem a pessoas de todos os credos, Católicos ou não, numa terra que mesmo sendo tão Santa é uma das regiões mais conflagradas do Planetas.

Com suas vestes brancas (homens) e preta (mulheres), Cavaleiros e Damas são investidos e juram perante a um Grão Prior, no caso do Rio de Janeiro, o Cardeal Orani João Tempesta, a cumprir seus deveres.

No próximo dia 17, a Lugar Tenente (maior autoridade da Ordem em uma província) Dama de Comenda com Placa, Doutora Isis Terezinha Cunha Penido (Na foto com o Cavaleiro Fernando Bicudo e com a Dama Eliana Moura, Assessora da Lugar Tenente) estará na Igreja de Nossa Senhora do Carmo da Antiga Sé, no centro da capital fluminense, recebendo mais 7 membros, Cavaleiros e Damas. O ritual que se repete de forma praticamente idêntica no mundo todo é o momento mais importante na vida de um iniciado na Ordem. É o momento em que se comprometem através da Lugar Tenente a cumprirem seus deveres terrenos com a Ordem e se comprometem com Deus, perante o Cardeal Tempesta, Grão Prior, a cumprirem seus deveres de fidelidade com Deus,

É uma cerimônia linda, rica em detalhes e que leva 48 horas. Na véspera da Investidura acontece uma solenidade chamada Vigília D´Armas. É neste momento que os Cavaleiros fazem seus votos, assumem seus compromissos com Deus e com a Ordem. No dia seguinte acontece a Investidura onde Cavaleiros e Damas recebem suas capas abençoadas, suas insígnias, seu Diploma do Grau de Cavaleiro e respondem sim às perguntas formuladas pelo Grão Prior.

A Ordem é por toda sua história e seu trabalho, reconhecida e respeitada mundialmente, é Governada no local pelo (a) Lugar Tenente, tem um Governador Geral e um Grão Mestre sediados no Palazzo La Rovere, na Cidade Estado do Vaticano. Seu Grão Mestre é sempre um Cardeal da Santa Igreja Romana.

A Ordem Eqüestre do Santo Sepulcro de Jerusalém é muito mais que tradição, que referência aos Cônegos do Santo Sepulcro, aos Templários, aos Cruzados. A Ordem Eqüestre do Santo Sepulcro é a grande mentenedora das necessidades dos mais necessitados, Católicos ou não que vivem na Pátria terrena de Jesus Cristo.

Parabéns aos novos Cavaleiros. A solenidade de Investidura é pública, todos podem assistir, bela e como dito cheia de detalhes e simbolismo. Na próxima sexta feira, dia 17/09 ela acontece na Igreja do Carmo da Antiga Sé. Um bom momento para você entrar em sintonia com Deus.

Porque a Ordem ainda existe há um milênio? Porque como seu lema diz: “Deus Lo Vult” ou seja “Deus o quer”.

Jornalista, especialista em assessoramento e cerimonial público, Bacharel em Direito, publicitário e Radialista. Também tem formação em Assessoria de Imprensa e relações institucionais, além de editor de jornais, livros, revistas e outras publicações
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui