Denúncias de estacionamento irregular na cidade do Rio crescem mais de 20% em relação ao ano passado

Os dados são da Central 1746

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Crédito: Freepik

A prefeitura do Rio de Janeiro registrou 64.005 denúncias de estacionamento irregular de veículos na cidade entre janeiro e maio deste ano. Em comparação ao mesmo período no ano passado, houve um crescimento de 21,7% de pedidos de fiscalização. Até 27 de maio de 2023, foram feitas 52.580 solicitações para o poder público municipal. As informações são da Central 1746.

A Central 1746 disponibiliza relatórios atualizados regularmente em sua plataforma. Em termos de demanda, o levantamento mostra que, assim como no ano passado, a denúncia de estacionamento irregular de veículos é a fiscalização mais solicitada pelos cariocas. Até o momento, os serviços mais solicitados em 2024 incluem pedidos para remoção de entulho e bens inservíveis (46.029), além de reparo de luminárias (33.586).

A frequência de pedidos de fiscalização de estacionamento irregular apresentou maior volume em abril (14.643). Até esta segunda-feira (27), foram 12.046 denúncias catalogadas em maio. Proporcionalmente, esta demanda dos cariocas representa 17,0% do volume total de serviços realizados pelo executivo municipal.

O aumento de pedidos feitos à Central 1746 também esteve acompanhado de uma redução no número de reclamações em relação ao serviço. As avaliações negativas representavam 3,5% nos primeiros cinco meses de 2023, e caíram para 2,2% no mesmo período desse ano. Atualmente, esse percentual está abaixo da média de reclamações feitas à central de ouvidoria da Prefeitura (3,9%).

Advertisement

Em termos geográficos, a zona norte do Rio de Janeiro concentrou 35,2% do total de solicitações referentes ao serviço de fiscalização de estacionamento irregular de veículos (22.535). A zona oeste apresentou 20.680 pedidos de fiscalização entre janeiro e maio desse ano, enquanto a zona sul soma 13.265 denúncias. As regiões do centro e centro histórico da cidade apresentaram 5.350 chamados para esse serviço.

Criada em 2011, a Central 1746 representa a central única de teleatendimento da prefeitura do Rio. Através deste número, é possível solicitar troca de lâmpada, denunciar focos de dengue, solicitar poda de árvores, entre outros serviços. Todas as solicitações possuem um prazo pré-estabelecido para serem atendidas.

“Apenas no ano de 2024 a Secretaria de Ordem Pública e a Guarda Municipal já aplicaram mais de 83.300 multas por estacionamento irregular em todo o município do Rio de Janeiro, além de terem realizado 9.540 remoções pela mesma infração“, disse a assessoria de comunicação da Secretaria de Ordem Pública (SEOP) em nota para esta reportagem.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Denúncias de estacionamento irregular na cidade do Rio crescem mais de 20% em relação ao ano passado
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui