Deputado do RJ cobra explicações de concessionária sobre a Via Lagos; entenda

Marcelo Dino (União Brasil) quer saber, por exemplo, como ocorre a entrega de nota fiscal aos motoristas e o motivo pelo qual a tarifa do pedágio é mais cara nos fins de semana

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem meramente ilustrativa do pedágio da Via Lagos, estrada que percorre a Região dos Lagos do RJ - Foto: Divulgação

O deputado estadual Marcelo Dino (União Brasil) elaborou um requerimento solicitando à concessionária CCR explicações sobre alguns fatos relacionados à rodovia RJ-124, popularmente conhecida como Via Lagos, que liga a Região Metropolitana do Rio de Janeiro à Região dos Lagos, uma das localidades turísticas mais visitadas em território fluminense.

Marcelo quer saber quanto a CCR recolhe mensalmente de Imposto Sobre Serviços (ISS); como ocorre a entrega de nota fiscal aos motoristas; acesso ao processo de licitação da via, vencido pela empresa; plano de gestão para melhorias na rodovia; e o motivo pelo qual o valor da tarifa do pedágio é mais caro nos fins de semana.

De acordo com Dino, caso a empresa não colabore com os questionamentos, o assunto será levado à Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do RJ (Alerj).

Advertisement

Vale ressaltar que, recentemente, durante fiscalização realizada na via, o parlamentar se deparou com longas filas em pedágio, além de reclamações de motoristas.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Deputado do RJ cobra explicações de concessionária sobre a Via Lagos; entenda
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui