Deputado Eurico Júnior é afastado pela Alerj por improbidade administrativa

Eurico Jr (PV) Foto: Julia Passos

O deputado Eurico Júnior (PV) perdeu o mandato em cumprimento a uma decisão da juíza Flavia Beatriz Borges Bastos de Oliveira, da Comarca de Vassouras. A medida foi cumprida pela mesa diretora da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), nesta quarta-feira (9). Rafael do Gordo assumirá a vaga de Eurico. A sua convocação será publicada no Diário Oficial do Legislativo nesta quinta (10).

O deputado foi afastado após ter sido condenado por improbidade administrativa quando era prefeito de Vassouras, entre 2005 e 2008. Durante o expediente final, Eurico Júnior se manifestou sobre a decisão.

“Esse é um processo que aconteceu em 2006, quando fiz uma desapropriação de três lotes ao lado de uma escola municipal no bairro de Barão de Vassouras para construir uma quadra que pudesse atender à escola e toda a comunidade através de uma emenda de Brasília. O meu mandato terminou em 2008, a verba não tinha sido liberada e meu sucessor demorou a fazer a obra. O Ministério Público, em 2013, entrou com um processo de improbidade devido à demora da obra, mas quem demorou a construir foi o meu sucessor”, disse o ex-deputado.

Ao final da sessão, Eurico agradeceu ao tratamento recebido durante o exercício do seu mandato: “Quero agradecer a todos os deputados e aos servidores desta Casa pelo carinho e pelo tratamento que todos me deram desde quando cheguei aqui”.

As informações são do jornal O Dia.

Advertisement

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui