Desafios agitam Troféu Brasil e Brasileiro Master de Jiu-Jitsu da CBJJD no Rio de Janeiro

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

No último fim de semana (25 e 26), a Arena da Juventude, em Deodoro-RJ, recebeu o Troféu Brasil e Brasileiro Master de Jiu-Jitsu da CBJJD. A etapa – quinta do Circuito Nacional Mineirinho 2022/23 – foi dividida em dois dias, com o Brasileiro Master no sábado para atletas da classe na faixa-branca até a preta, e o Troféu Brasil incluindo atletas do juvenil e adulto. Já no domingo, as crianças deram continuidade ao Troféu Brasil, com disputas do pré-mirim ao infanto-juvenil.

Recheados de atrações, com mais de R$ 35 mil distribuídos em prêmios e diversas superlutas – além dos importantes pontos no ranking -, os eventos reuniram um número bastante expressivo de faixas-pretas. Nos tatames, o grande destaque ficou por conta de Daniel Vitor Azevedes (Ares/Gavaza BJJ), campeão ouro duplo no masculino adulto faixa-preta ao vencer a divisão dos médios e o absoluto.

Outro ponto alto do Troféu Brasil e Brasileiro Master da CBJJD foram as superlutas. No Desafio Brasil Juvenil Blue Belt, para faixas-azul, vitórias de Guilherme Pinto e Kevin Guimarães (R1NG BJJ), Luiz Felipe (HBT Jiu-Jitsu), Guilherme Jambeiro e Luiz Fernando (Top Brother), além da fera Maria Lira (Infight).

Já no Desafio Brasil Master Black Belt, para faixas-preta, Leonardo Porto (Nova União), Wagner Barboza (Infight), Kennedy Dias (Double Five), Guilherme George (Fernando Tererê), Alexandre Aleluia (Associação Vidigal JJ), Carlos Alberto (Rocinha JJ) e Alex Tubarão (Top Brother) triunfaram.

Advertisement

Leia também

Terminal Gentileza começa a operar para população; veja detalhes

Pedro Paulo cada vez mais certo como vice de Eduardo Paes – Bastidores do Rio

“O evento foi sensacional, misturando a nova geração e os masters, com uma estrutura e organização de alto nível, no padrão da Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Desportivo. Os desafios também levantaram o público presente na arena, e agora vamos nos preparar para o Angra International Cup, no 8 de abril, em Angra dos Reis-RJ. O grande atrativo será o Super GP Black Belt, que premiará o campeão com uma passagem para disputar um evento da ISBJJA na Europa”, afirmou Rogério Gavazza, presidente da CBJJD.

Entre as equipes, a grande campeã geral (juvenil/adulto/master) foi a Top Brother, com 29 medalhas de ouro, 18 de prata e 22 de bronze. Em segundo veio a Double Five, com a Fábrica de Monstro em terceiro. GFTeam e Nova União completaram o Top 5, respectivamente.

Já nas disputas do kids (pré-mirim ao infanto-juvenil), quem levou o título por equipes foi a Double Five, que somou 21 medalhas de ouro, 13 de prata e 17 de bronze. Completaram o pódio Prime Team e CheckMat, respectivamente, com Pride Esportes e Projeto Vencedores em Cristo fechando Top 5.

A Top Brother, vale citar, ainda teve representantes levando cinturões no Desafio Brasil Master Black Belt e Desafio Brasil Juvenil Blue Belt, em uma verdadeira campanha de sucesso coordenada pelo professor Cezar “Casquinha” Guimarães.

RESULTADOS:

Peso-leve: Leonardo Porto (Nova União) derrotou Eduardo Cordeiro (Checkmat Itajaí)
Peso-pesado: Wagner Barboza (Infight) derrotou Vinícius Beauclair (Projeto Vencedores de Cristo)
Peso-casado: Kennedy Dias (Double Five) derrotou Bruno Bezerra (Seleção FSMJJ)
Peso-meio-pesado: Guilherme George (Fernando Tererê) derrotou Josiel Adriano (Pitbull)
Peso-leve: Alexandre Aleluia (Associação Vidigal JJ) derrotou Wilson Novato (Atos)
Peso-super-pesado: Carlos Alberto (Rocinha JJ) derrotou Daniel Felix (Fábrica de Monstro)
Peso-meio-pesado: Alex Tubarão (Top Brother) derrotou Gabriel Melo (Fábrica de Monstro)

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Desafios agitam Troféu Brasil e Brasileiro Master de Jiu-Jitsu da CBJJD no Rio de Janeiro

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui