Madureira terá homenagem a Zeca Pagodinho no Dia da Favela

Data simbólica acontece neste sábado (04/11); sambista será homenageado em todo o Brasil pelo seu comprometimento em elevar a autoestima das populações periféricas

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
(Foto: Divulgação)

No Dia da Favela, celebrado em 4 de novembro (sábado), um dos mais célebres e queridos cidadãos cariocas, Zé Pagodinho, receberá uma bela homenagem. A Central Única das Favela (CUFA), idealizadora da data e localizada em Madureira, terá a sua sede grafitada em homenagem ao sambista. O evento terá início às 9h e encerrando às 13h. Já Pagodinho, com a bola toda, receberá homenagens em todo o Brasil, pelo seu comprometimento em elevar a autoestima da população favelada.

Aos participantes, além de muita diversão, também serão oferecidos diversos, como: atendimento social nos casos de violação de direitos; orientações sobre Cadúnico, Tarifa social e BPC; degustação SCFV, com recreação Infantil e pintura facial, emissão de  2ª via de documentos, certidão de nascimento e óbito, entre outros.

Para quem gosta de esportes, no Dia da Favela serão realizadas  apresentações das turmas das oficinas da CUFA Rio, em modalidades, como: ginástica rítmica, basquete, futsal, capoeira e basquete. Os admiradores da moda também poderão assistir a um belo e criativo desfile produzido pelos alunos da entidade.

No local, a população também poderá tomar doses das vacinas contra Hepatite B, COVID-19, Influenza e Adsorvida Difteria e Tétano adulto (DT), aplicadas por agentes da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Advertisement

As comemorações seguem na para , que vai até o dia 10 de novembro. A data foi criada ressignificar o conceito de favela e valorizar a sua população.

“O Dia da Favela, assim como a Semana da Favela não são dias apenas de comemoração. Serão também momentos para refletir e reivindicar melhores condições para seus moradores. Queremos nesses dias enaltecer as soluções que os moradores encontram para superar parte dos seus problemas”, afirmou a presidente nacional da CUFA, Kalyne Lima, acrescentando que Zeca Pagodinho sempre foi parceiro da instituição.

O vice-presidente nacional da CUFA, Marcio Lima, destacou que a sociedade brasileira tem muito o que aprender com os moradores das favelas brasileiras, especialmente no que respeito à resiliência e capacidade de ação.

“Será uma semana de muitas ações pelo país inteiro. Essas ações vão trazer muitas reflexões sobre o que é a favela, e tudo o que está presente nesse território. A sociedade tem muito a aprender com a potência e a resiliência dos moradores de favela”, disse Marcio Lima.

No município do Rio, o Dia da Favela passou a ser celebrado em 2006. No Estado, a partir de 2019.

Serviço
Dia da Favela na sede da CUFA Rio
Data: 4 de novembro
Local: Sede da CUFA – Viaduto de Madureira
Horário: 9h às 13h
Endereço: Rua Francisco Batista, nº: 01

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Madureira terá homenagem a Zeca Pagodinho no Dia da Favela
Advertisement
lapa dos mercadores 2024 Madureira terá homenagem a Zeca Pagodinho no Dia da Favela
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui