Dr. Luizinho: “Vamos focar nas complexidades e temos uma ministra amiga para resolver gargalos”

Novo secretário da Saúde de Castro investirá nos municípios e conta com parceria de nomes como Nísia Trindade Lima e do deputado federal eleito General Pazuello, ex-ministro da Saúde

Foto: Daniel Martins/Diário do Rio

Escolhido pelo governador Cláudio Castro (PL) para assumir a pasta da Secretaria Estadual de Saúde, Dr. Luizinho (PP) declara que quer resolver gargalos da complexidade, como ampliar atendimentos em áreas como oncologia e cardiologia. Para ele, é preciso focar para melhorar as condições de filas, que estão a tantos anos sendo um problema. “Vamos trabalhar para melhorar o atendimento à população, fortalecer as políticas municipais e os consórcios públicos”, resume.

Luizinho, que também é deputado federal pelo Rio de Janeiro licenciado e médico ortopedista, ainda falou da boa relação que tem com a ministra da Saúde da gestão de Lula, Nísia Trindade Lima. “É uma amiga e que conhece os gargalos da Saúde. Ela conhece a realidade e RJ ganha muito com ela”, enaltece a número um da Saúde, que é socióloga e técnica da Fiocruz.

Além de Nísia, o secretário ainda tem proximidade com parlamentares por conta do mandato no Congresso, entre eles, o ex-ministro da Saúde e também deputado federal eleito General Pazuello (PL), com quem lidou principalmente quando presidiu a Comissão Externa de Enfrentamento à Covid-19. Na época, a gestão de Pazuello entregou quase 500 milhões de doses de vacina, além de firmar parceria com a Fiocruz e a Anvisa para a produção nacional de mais de 250 milhões de vacinas AstraZeneca-Oxford em Biomanguinhos (RJ), o que tornou o Brasil autossuficiente na fabricação dos imunizantes o contra a Covid-19.

No mesmo dia da posse de Luizinho como secretário de Saúde, também foram empossados outros 32 secretários, sendo seis mulheres. Foram eles: o vice-governador Thiago Pampolha, que volta à Ambiente e Sustentabilidade; Maria Rosa Lo Duca Nebel, no front da Administração Penitenciária; o deputado estadual licenciado Jair Bittencourt, Agricultura; Rosângela Gomes, Assistência Social; Nicola Miccione, Casa Civil; Rodrigo Abel, Chefia de Gabinete; o deputado estadual reeleito Dr. Serginho retorna à Ciência e Tecnologia; Demétrio Farah, Controladoria-Geral do Estado; o deputado federal não-reeleito Vinícius Farah, na Desenvolvimento, Indústria e Comércio; Danielle Barros, irmã do deputado federal e presidente estadual do Solidariedade Áureo Ribeiro, se mantém na Cultura; Leonardo Monteiro vai para a Defesa Civil e Bombeiros; Patrícia Reis assume a Educação; Washington Reis, que iria concorrer como vice de Castro ganha a Transporte e Mobilidade Urbana; Rafael Picciani, filho do ex-presidente da Alerj preso Jorge Picciani volta à Esporte após anos fora da pasta; Leonardo Lobo fica com a Fazenda; Edu Guimarães, no Gabinete de Segurança Institucional; o deputado estadual Rodrigo Bacellar assume Governo; Habitação será o deputado estadual Bruno Dauaire; Uruan Cintra, Infraestrutura e Cidades; Alexandre Isquierdo, Intergeracional de Juventude e Envelhecimento Saudável; o deputado federal Hugo Leal estreia na Óleo, Gás, Energia e Indústria Naval; Nelson Rocha, Planejamento; Fernando Albuquerque, na Secretaria de Polícia Civil; já a Polícia Militar terá o Coronel Henrique Pires novamente na gestão; Procuradoria-Geral do Estado tem Bruno Dubeaux; Representação em Brasília será feita por André Moura; Rio Previdência terá à frente Eduardo Merlin; Secretaria Especial de Mulheres fica a cargo de Heloísa Aguiar; Subsecretaria de Comunicação com Igor Marques, que está desde o início da gestão de Castro; Trabalho fica com Kelly Christian Silveira de Matos; Transformação Digital tem Mauro Farias como secretário; e o deputado estadual reeleito Gustavo Tutuca volta à Turismo.

Formada em Comunicação Social desde 2004, com bacharelado em jornalismo, tem extensão de Jornalismo e Políticas Públicas pela UFRJ. É apaixonada por política e economia, coleciona experiências que vão desde jornais populares às editorias de mercado. Além de gastar sola de sapato também com muita carioquice.
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui