MaracanãA reforma do Maracanã está realmente uma novela arrastada e parece que a imprensa não está nem aí, com exceção do Lauro Jardim, da Veja. Hoje aconteceu uma reunião entre o Governo do Estado e representantes do Tribunal de Contas da União (TCU) e Advocacia Geral da União (AGU), para que o Estado pudesse explicar os motivos da obra ter subidos, dos já absurdos R$ 700 milhões, para estratosféricos R$ 850 milhões. A razão é demolir o teto do Maracanã, que não estava previsto no projeto original.

 

O maior problema? Bem, a obrava vai atrasar e não vai ficar pronta antes de Junho de 2013, quando ocorre a Copa dos Confederações, que serve como um teste para a Copa do Mundo. O estádio símbolo do Rio de Janeiro só deve ficar pronto em outubro de 2013, até lá só o Engenhão.

O que me parece na verdade é que demoliram todo o Maracanã e deixaram só a casca. Era muito mais simples ter construído um estádio novo.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui