Hoje houve certos contratempos no Rio Centro, uma briga entre jogadores do Brasil e da Argentina no Handball e entre torcedores e cubanos no Judô. E estava lendo alguns blogs sobre o assunto e repetindo o que já foi chamado de complexo de vira-lata do brasileiro de que certas coisas só acontecem aqui.

Este complexo no Pan começou com a vaia ao Lula e aos atletas dos EUA, em que diziam estes blogs e comentaristas que este tipo de coisa só acontece aqui no Brasil e que deveríamos estar envergonhados. Pois bem, devido ao Diário do Rio acompanho várias notí­cias sobe o Rio de Janeiro que sai em vários jornais do mundo, e um mexicano comentava sobre a vaia aos atletas americanos.

Ah, então estava lá falando mal do Rio e de suas vaias! Nada, a matéria era sobre o porquê de americano levar vaia nas competições . Havia várias teorias, mas nenhuma delas era sobre uma possível falta de educação dos torcedores.

Como também não vejo porque vaiar um juiz em uma decisão esquisita possa ser falta de educação… claro, chegar ao ponto de alguém da COMISSÃO TÉCNICA, não era torcedor, jogar objetos, isso sim é mais do que falta de educação, é crime, mas eles já sofreram suas punições.

Vamos parar com o complexo de vira-latas e ver que os elogios a grande festa que o carioca vem promovendo! O Presidente da ODEPA já deu todos os sinais que quer os Jogos Olí­mpicos de 2016 aqui no Rio, Chicago já falou que o Rio é a mais forte concorrente, a natação americana falou que a Vila do Pan é ní­vel olí­mpico e o Maria Lenk é uma das instalações mais modernas do mundo! Se eles dizem isso, pensem sobre sua baixo-estima, e veja, o Rio promove um Pan sem igual.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui