Eleitores votam sem maiores problemas neste domingo no Rio

Cerca de 5 milhões de eleitores deverão votar nos 1,4 mil locais de votação na capital fluminense

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Nelson Jr./TSE

O domingo que marca a votação do segundo turno da eleição presidencial no Rio ocorre sem maiores problemas em toda cidade. Ao longo da manhã, algumas zonas eleitorais nas zonas Norte e Oeste registraram filas, mas que logo se dissiparam. Cerca de 5 milhões de eleitores deverão votar nos 1,4 mil locais de votação na capital fluminense.

Vale lembrar que por conta de não haver segundo turno para governador no Rio, e apenas o voto para presidente, o tempo de votação dos eleitores tem sido bem menor que o registrado no primeiro turno, quando os cariocas precisavam votar em cinco candidatos, o que gerou filas e confusão.

A Secretaria de Estado de Polícia Militar do Rio de Janeiro emprega hoje, extraordinariamente, cerca de 17 mil agentes para atuar no patrulhamento de vias públicas, locais de votação, escolta das urnas e segurança de prédios que vão abrigar as instituições responsáveis pelo pleito eleitoral. O planejamento prevê policiamento dos 4.844 locais de votação a cargo dos batalhões operacionais de área.

A exemplo do que ocorreu no primeiro turno das eleições, no segundo turno as Forças Armadas colaborarão com a segurança e a logística do pleito. Aproximadamente 9 mil militares, 600 veículos, 30 blindados, oito embarcações e três helicópteros das Forças Armadas estarão em condições de serem empregados em todos os 92 municípios do Rio de Janeiro, segundo o Comando Conjunto Leste.

Advertisement

Leia também

Estrangeiros LGBTQIA+ estão comprando todos novos imóveis de Ipanema – Bastidores do Rio

TransBrasil inicia operações neste sábado, da Penha ao Terminal Gentileza

Os ônibus da rede municipal e os BRTs estão obrigados, por decreto da Prefeitura a transportar os passageiros gratuitamente. Sobre isso, o prefeito Paes falou nas suas redes sociais.

Quero lembrar aos concessionários de ônibus na cidade do Rio que a não colocação da Frota na forma determinada pela prefeitura representa crime! Inclusive, podendo justificar perda da concessão. Estamos atentos com a justiça eleitoral ao movimento de ônibus hoje nas ruas do Rio!”, disse Paes.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Eleitores votam sem maiores problemas neste domingo no Rio

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui